Possessão do rap

Possessão do rap

Cidade/EstadoEuclides da Cunha / BA
Plays553plays
Tamanho
Imprimir

Superar - Nos Bailes Da Vida

Composição: Adalberto Bernardo Silva

Superar - Nos Bailes da Vida Mais uma vez o sonho se inicia Brota firme e forte do fundo da periferia Na canção eu vi Ô mãe, vou ser cantor Mas quando eu dizia a senhora nunca acreditou Coração batia acelerado com desejo Aquela marca eu trazia no meu peito Pai Perdão se ficou magoa pro senhor Juro aos olhos de Deus que pra mim não ficou Na vida a gente apanha sempre, isso é natural Porém baixar a cabeça é fraqueza e não normal Eu levando, eu sigo em frente, forte de espírito Quebrar a cara nunca foi o meu medo Peito aberto, perseverante, sempre constante Pai! Posso cair, mas eu sigo adiante E neste instante Embalo um sonho doce como mel Cantar pela favela talvez seja o meu papel Refrão Nos bailes da vida é que a gente cai Nos bailes da vida é que a gente sobe e desce Nos bailes da vida é que a gente cai Nos bailes da vida é que a gente aprende Sobe, desce, vai, eu quero é mais! Vou procurar o caminho da paz Sobe, desce, vai, eu quero é mais! Vou procurar ah ah ah ah Nós temos sonhos Isso é o que nos permite existir Nascemos pra sonhar Sonhamos pra viver E assim então Porque não buscamos esse sonho? Não encare a real Como um simples fato medonho Sabemos que a morte um dia vem E a vida logo se vai Temos que viver da maneira ideal Procurando o equilíbrio Entre as dores e alegrias Pra que a vida não se torne Um mundo de melancolias Oh mãe! Não é preciso se preocupar Pois mesmo estando cego Sou capaz de enxergar Que a vida é bela Já dizia o velho poeta Viver é como aprender a andar de bicicleta Cada queda é uma lição Caminhando em uma reta E assim se vai pra frente Quando faz-se a coisa certa Quando faz-se a coisa certa Nos bailes da vida é que a gente aprende Nos bailes da vida é que a gente cai Nos bailes da vida é que a gente sobe e desce Nos bailes da vida é que a gente cai Nos bailes da vida é que a gente aprende Sobe, desce, vai, eu quero é mais! Vou procurar o caminho da paz Sobe, desce, vai, eu quero é mais! Vou procurar ah ah ah ah Deus por favor pai Cuida de mim Dai-me a esperança pra viver Mas enfim pai Traz a humildade pro meu coração Para que apaziguados vivamos então E humildão daquele jeito é o que eu quero ser Esse é meu pedido minha parte eu vou fazer Abençoe minha mãe e guarde meu pai se pãn Sentindo suas bênçãos quero acordar de manhã Com o som dos pássaros Cantando admirados Anunciando um belo dia Mas é claro! Já pensou, mãe Que lindo isso seria A natureza e a paz de Deus Em nossa casa todo dia É assim que eu quero, escolhi assim Esse é meu caminho, vou trilhá-lo até o fim Mas tem que se saber, que não é mole não Vida não é rosa e tem espinhos de montão Nos bailes da vida é que a gente cai Nos bailes da vida é que a gente sobe e desce Nos bailes da vida é que a gente cai Nos bailes da vida é que a gente aprende Sobe, desce, vai, eu quero é mais! Vou procurar o caminho da paz Sobe, desce, vai, eu quero é mais! Vou procurar ah ah ah ah

553

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica