Cone Crew Diretoria

Cidade/EstadoRio de Janeiro / RJ
Plays8.047.636plays
Tamanho
Imprimir

Calma Na Alma

Composição: Maomé Batoré Rany Money Cert e Ari

Nossa senhora das coisas impossíveis que procuramos em vão Vem, soleníssima Soleníssima e cheia de uma vontade oculta de soluçar Talvez porque a alma é grande e a vida é pequena E todos os gestos não saem do nosso corpo E só alcançamos onde o nosso braço chega E só vemos até onde chega o nosso olhar Já sei porque não consigo dormir há dias Há algo no meu pensamento lento que me paralisa Não aguento viver preso a dogma e doutrina Eu quero a calma na alma pra poder viver a vida Já sei porque não consigo dormir há dias Há algo no meu pensamento lento que me paralisa Não aguento viver preso a dogma e doutrina Eu quero a calma na alma pra poder viver a vida Minha vida é ignorada, dilacerada, não vale uma prata Na pátria que ataca e me achaca, a disputa aqui nunca se aparta Eu viro caça na praça, a bad não passa, todos cometem desgraça Os que são verdadeiros se ligam e me sacam, nunca se envolvem na falha que é farsa A sua falta até pode ser grave, mas jamais romperá com meu ciclo Pois eu não me prendo somente a laços de sangue para formar os meus vínculos O que viso não é só meu vício, também não me julga pelas roupas que visto Círculos de alianças nas minhas andanças, eu valorizo os que fecham comigo Respeito os valores antigos, é o que firma a família na fita Eu dou a finta fugindo da mira e na guerrilha, a família é a aguerrida Que minha sina sirva e redija para que os outros a dor não sinta Os versos que a gente recita, para que nunca se abalem com o peso da cinta Porque sempre vão ter vários pra tentar te humilhar Não abaixa a cabeça, e levanta esse olhar Vamo tá junto mermo se for um milhão de milhas Pois não seria ninguém sem essa família Já sei porque não consigo dormir há dias Há algo no meu pensamento lento que me paralisa Não aguento viver preso a dogma e doutrina Eu quero a calma na alma pra poder viver a vida Já sei porque não consigo dormir há dias Há algo no meu pensamento lento que me paralisa Não aguento viver preso a dogma e doutrina Eu quero a calma na alma pra poder viver a vida Apologia da vida bendita, vivida de forma alternativa Na mira da rima, polícia que irrita, milícia que atira, nazista, fascista Playboy, bombado que grita me tira e a canela voa na tua narina Sou cria da pista, o sentido da vida é constituirmos uma família Não me limito a laços genealógicos, minha parceria e família se encontra na esquina Sem intriga, dinheiro fascina só uns dia, cabeça perdida na vida Não sou homicida, mas cai meia dúzia dos seus antes de tombar um dos meus Guiado por Deus, iluminado, e protegido pela força de Zeus Pulo do gato, ainda cato os mofados, lisérgico pasto, regado e azulado Jogue a cabeça para cima e sua mão para baixo, manobras de skate eu encaixo O pino não acho, os tiros perdidos dos canas de assalto, esquivo na pista ou me racho Com as rimas que enquadram o compasso, Mulher Maravilha é bem vinda de quatro No quadro que pinto Van Gogh tá armado, se o mar tá storm então joga pra baixo O meu, fardo cansado eu arrasto, o seu dinheiro sujo não aceito, não gasto Porco fardado pra mim é otário que eu dava cascudo no colégio primário Rap na pauta, calma na alma, rastafári, revolucionário Eu já sei porque não consigo dormir há dias Há algo no meu pensamento lento que me paralisa Não aguento viver preso a dogma e doutrina Eu quero a calma na alma pra poder viver a vida Eu já sei porque não consigo dormir há dias Há algo no meu pensamento lento que me paralisa Não aguento viver preso a dogma e doutrina Eu quero a calma na alma pra poder viver a vida Vida sofrida, alma furtada, banida e detida Em contra-partida sinto a cardio batida Mantendo a pureza retida Vê na retina, quebra a rotina Ideia cretina, tem início e não tem fim Santo Pai o que será que a vida reservou pra mim? Ser um músico importante ou um vendedor de amendoim? Eu vou ter um relógio caro ou um camelô vagabundin? Deu risada do magrin, desmerece alguém que sonha Eu sou rebelde, desbocado, revoltado e sem vergonha Que eu vivi rebelião, guerra de religião, eu vi Cristo perdoar Adolf Hitler no caixão Vi ódio e destruição, optei pela união, vi o diabo corromper a fé de um irmão cristão Assisti Roma ir ao chão, assisti Pelé jogar Vi Saddam sendo enforcado, eu vi a bomba nuclear O homem vive se matando e pela Terra eu vou rezar Deus esteja do meu lado quando o mundo se acabar Eu vou rezar (eu vou) Pra minha alma eu vou rezar Eu vou rezar Pra minha pele eu vou rezar Eu vou rezar Pela humanidade eu vou rezar Eu vou rezar Para o meu Senhor eu vou rezar Eu vou rezar Eu vou rezar Para minha pele eu vou rezar Eu vou rezar A vida é louca A vida é insana (eu vou rezar, eu vou rezar) A vida não para, continua (para o meu Senhor eu vou rezar) Eu vou rezar, eu vou (para minha alma eu vou rezar, eu vou rezar) (Para minha pele eu vou rezar, eu vou rezar) (Pela humanidade eu vou rezar, eu vou rezar) (Para o meu Senhor eu vou rezar, eu vou rezar) (Para minha pele eu vou rezar, eu vou rezar) (Para minha pele eu vou rezar, eu vou rezar) (Para a humanidade eu vou rezar, eu vou rezar) (Para minha pele eu vou rezar, eu vou rezar) Rezar Rezar Rezar Rezar Rezar Rezar Eu vou rezar

496.929

plays

Comentários

Filtrar Por:

Playlists relacionadas à musica

Cone Crew Diretoria

Cidade/EstadoRio de Janeiro / RJ
Plays8.047.636plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

Ouvintesvinícius e outros 3.109 ouvintes
Fã-clubeMarcos Ycul e outros 1.019 fãs

Comentários

Filtrar Por:
PapatinhoDJ
BatoréVoz
MaoméVoz

Release

Completando 10 anos de carreira, a ConeCrewDiretoria apresenta ao público seus primeiros singles do próximo disco, “Bonde da Madrugada, Pt. 2”. A primeira música lançada, “Rap Cerva Erva & Muita Larica” já passou dos oito milhões de visualizações no YouTube e mais de dois milhões de plays no Spotify.

Considerado um dos maiores casos de banda independente da história do Brasil, a Cone Crew conta com mais de 2 milhões de fãs no Facebook, 320 mil no Twitter e mais de 70 milhões de visualizações em seu canal oficial no YouTube. Com presença nos principais festivais do país (Planeta Atlântida, João Rock e Lollapalooza), o grupo carioca foi citado por Snoop Dogg como uma das novas revelações do Rap Mundial. Uncle Snoop chegou a gravar um vídeo, exibido no programa Caldeirão do Huck, onde cita a banda como seus "sobrinhos do Brasil".

Em 2012, a Cone foi a banda com o maior numero de indicações no VMB (Video Music Brasil), concorrendo em quatro categorias(melhor banda, hit do ano, revelação e clipe do ano).
Em 2013, O grupo se apresentou ao vivo no Prêmio Multishow, ao lado de Marcelo D2. Mascarados, D2 e Cone Crew levantaram cartazes de protesto ao governo e homenagem a Speed Freaks, Sabotage e Chorão.

Em 2014, com uma apresentação aclamada pelo público, a ConeCrewDiretoria fez história no Lollapalooza com um dos shows mais comentados na internet.

Playlists relacionadas

Contrate

Alexandre Duncan

http://www.conecrew.com
Home