Imagem de capa de DZ101
DZ101

DZ101

Cidade/EstadoDiadema / SP
Plays2.489plays
Tamanho
Imprimir

Sementes

Composição: Sergio de Oliveira

Poslúdio: Está vendo aquela arvore gigante? Ela é a mesma de antes, que um dia fora só uma semente. Que assim como o universo se expande, na ordem crescente o degenerativo natural. Esta vendo aquela arvore frutífera que hoje encontra- se carregada de vida? Ela ainda é a mesma, que seca no outono e floresce na primavera. Em cada broto por ela gerado, há vontade de se tornar fruto, mas só vontade não basta, as possibilidades são tantas, mas as variáveis são vastas. Um pássaro, o frio, as tempestades, ou aquele que simplesmente por natureza não vingou. E na mesma arvore, dentro da mesma matemática, brotos se tornaram pequenos frutos, que com o tempo foram crescendo ate atingirem o ponto de maduro. Esta vendo aquela arvore florida? Ela é a mesma, forrada de novos brotos e rodeadas de frutos no chão, repetindo o ciclo eterno de acasos e paixões. As sementes dos frutos passados que caíram no chão, hoje, algumas são arvores, outras alimentaram aves passageiras, que rumo ao por do sol seguem viagem. Esta vendo aquela arvore? Embora velha e já seca, ela ainda é a mesma, mas agora só nas lembranças de quem a viu. Sementes.

21

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica