Camila de Ávila

EstiloMPB
Cidade/EstadoBelo Horizonte / MG
Plays278.512plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

OuvintesJosiel De Jesus Santos e outros 948 ouvintes
Fã-clubeCASA LOCA 13 e outros 101 fãs

Comentários

Filtrar Por:

Release

CD de estreia da cantora traz releituras de canções pouco conhecidas de importantes compositores da música popular brasileira

Dona de voz marcante e aveludada, a cantora Camila de Ávila cresceu ouvindo os grandes nomes da música popular brasileira. Influenciada pelos pais, ainda criança, se apaixonou por Chico Buarque, Caetano Veloso, Noel Rosa e Vinícius de Moraes. Enquanto as músicas do lado A dos chamados Long Plays (LPs) faziam sucesso nas rádios, ela se interessava pelas canções do lado B, com qualidades idênticas, mas que acabavam esquecidas e não tocadas. Foi desse gosto peculiar que nasceu a ideia de produzir seu primeiro CD, intitulado “B”, com releituras atuais de canções assinadas por importantes compositores da MPB, como Vinícius de Moraes, Dorival Caymmi, Caetano Veloso e Chico Buarque.

A escolha do repertório teve como critério o reconhecimento subjetivo da beleza e representatividade destas canções, que agradam de forma bem particular à cantora. “São canções que me dizem alguma coisa, às vezes não sei explicar, mas posso sentir”, diz Camila. Neste trabalho, há ainda duas faixas inéditas do jovem compositor mineiro Rodrigo Salvador, que também apresenta grande qualidade e sensibilidade poética e sonora.

Junto ao diretor artístico e produtor Jairo de Lara, que já trabalhou com Zizi Possi, Nara Leão, Geraldo Azevedo, Oswaldo Montenegro, Raul Seixas, entre outros, Camila deu nova roupagem às músicas, implicando arranjos mais vibrantes e dançantes a elas. “Quando vi o material, chamou-me a atenção o timbre e o suingue no jeito de cantar dela. Houve uma empatia grande entre nós e sugeri elaborarmos o projeto chamado “Lado B”, com músicas que ela gostava, de compositores famosos, mas que não eram muito conhecidas do grande público”, conta Jairo.

Os músicos que participam do álbum são os mesmos que acompanharão a cantora no show de lançamento. “Eles participaram do processo de produção do disco e, por isso, fiz questão que também estivessem presentes nesse registro tão importante para minha carreira”, explica a artista. São eles: Renato Saldanha (violão nylon, violão aço, bandolin, violão sete cordas, guitarra); Christiano Caldas (teclados); Vagner Faria (baixo elétrico); Edvaldo Ilzo (bateria); Bill Lucas (percussão).

Quem também deu importante contribuição para o primeiro trabalho de Camila foi o maestro do Coral Lírico de Minas Gerais, Marcio Miranda Pontes, com quem teve aulas de canto. “Conheci Camila nos seus tempos de faculdade, quando cantou no coral sob minha regência. Sua musicalidade e animada presença marcaram o grupo. O CD "B" apresenta o primeiro passo solo de uma cantora bem preparada, acompanhada por um grupo fantástico de músicos e dirigida com maestria”, relata o maestro. Para ele, sensibilidade, intuição e fé são as palavras que definem a cantora.

A produção do CD tem recursos da Lei Federal de Incentivo à Cultura, Rouanet, e patrocínio da Celulose Nipo Brasileira (Cenibra).


In english

Owner of a distinctive voice, Camila Avila grew up listening to the greats of Brazilian music. Influenced by parents, she fell in love with the great names of MPB. Classic Ballerina by Clovis Salgado Foundation, bachelor of Editorial Production and Journalism at UNI-BH, post-graduate in History of Culture and Art (UFMG) and Production and Cultural Criticism (PUC-Minas), the taste for singing appeared in the intervals of her ballet classes in Artistic Training Centre of the Arts Palace (CEFAR), when she was with the students of Music Course to sing her favorite songs. By far, the maestro Carlos Alberto Pinto Fonseca saw her and he was impressed with the tuning of young. Then he invited her to join to the choir of CEFAR students, in the suit of contraltos.

Her debut album B, sponsored by the Rouanet Law, by the multinational CENIBRA, presided by ex- Secretary of State and Culture Paul Brant, includes songs of the side b of old vinyl. Her repertoire includes songs from Vinicius de Moraes, Dorival Caymmi, Caetano Veloso and Chico Buarque, in modern reinterpretations and more danceable arrangements. In this work, there are still two unreleased tracks of Miner songwriter Rodrigo Salvador. The CD was produced and arranged by Jairo de Lara, who has worked with Zizi Possi, Nara Leão, Geraldo Azevedo, Oswaldo Montenegro, Raul Seixas among others. Camila gave new guise to music, implying more vibrant and dancing arrangements to them.

The singer was one of twenty artists selected for the Independent Music Project in 2013, whose curators were the journalists Patricia Palumbo, Flávio Henrique Silveira and Terence Machado. The show happened on July 25 in Granfinos show house. She was invited by the Brazilian Sarau Group to make a participation on its show in the Cultural Turn Belo Horizonte, singing on the main stage of the Municipal Park. She was also invited by singer, songwriter and musician Sergio Pererê and Camila Avila sang in the Black Arts Festival 2013 - FAN, in the show Mother of All Saints. In July 2014, Camila de Ávila performed at Itabira Winter Festival. In September the same yea,r she sang with Isadora Rodrigues and Matheus Rodrigues Septeto at Chamber Theatre of Cine Theater Brazil Vallourec.

Playlists relacionadas

Camila de Ávila

EstiloMPB
Cidade/EstadoBelo Horizonte / MG
Plays278.512plays
Home