De Longe (Part. Erasmo Dibell)

Selma Delago

(Composição: Selma Delago)

De longe muito longe
Eu carrego essa dor comigo
Nos braços a solidão e a viola
No olhar um amor perdido

Segredo guardo aqui dentro
Lágrimas deixo rolar
Saudade do meu passado
Que agora, castiga o meu caminhar

Eu que vi o amor nascer
Reguei carinho
Fiz crescer um amor tão puro

Teu sorriso minha estrada
Teu abraço, meu calor
Essa triste despedida
O tempo nunca apagou

Tá no cantar de um passarinho
Chuva forte de estação
Cheiro de terra molhada
Mãos que acarinham um violão.

Eu que vi o amor nascer
Reguei carinho fiz crescer
Um amor tão puro
Aiá ieiê Ai que saudade de você
Aiá ieiê Bateu saudade de você

Descer o rio de jangada
Vento no rosto tem sabor
Faz lembrar as aventuras
Que o tempo nunca apagou

Aiá ieiê ai que saudade de você
Aiá ieiê bateu saudade de você

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (6)

Fotos (14)

Clipes (11)

Release

ReleaseCarol Cunha

Carol Cunha (São Luís, 1983), cantora, compositora e professora de Música e Teatro, dedica-se ao estudo musical desde os 12 anos de idade, destacando-se em 2001 quando, junto com o grupo de samba Ciranda, venceu em 1º lugar nas categorias de melhor música e melhor intérprete o Concurso de Pagode promovido pelo Programa Maranhão TV (TV Difusora/SBT).

Desde 2002 compôs parceria musical com sua irmã, na dupla CAROL & ANA TEREZA, com repertório que combina clássicos da MPB, samba e chorinho, recebendo neste mesmo ano prêmio na categoria ‘Talento da Noite’, no Prêmio Universidade FM (Rádio Universidade).

Em 2003, no III Festival Maranhense de Músicas Carnavalescas (Sistema Mirante de Comunicação/Rede Globo), a dupla recebeu prêmio ‘Melhor Intérprete’ e 1º lugar com a música PAIXÃO E ...

Continuar lendo>>