Cuba e Outras IlhasEspirito533 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
Iniciando música ~ em
    1 / 5

    Integrantes

    • Alex Lobão Guitarra
    • Alexandre Cuba Guitarra Base
    • Maurício Bob Baixo
    • Lake Persaud Guitarra Base
    • Pedro Maprelian Bateria

    Release

    As Letras Cantadas de Alexandre Cuba

    Com uma formação principal de 2 Guitarras, 1 Contrabaixo e uma Bateria, Cuba e Outras Ilhas apresenta um Pop/Rock nacional com inúmeras referências e estilos que flerta com o antigo e o contemporâneo, o clássico e a vanguarda, o elaborado e o popular, o sugestivo e a atitude.
    Tudo isso devido às diversas influências individuais que se conectam num show insinuante e promissor. O show oferece ao público: proximidade, capacidade técnica dos músicos e uma atmosfera com muita personalidade e empolgante do ponto de vista da atitude rockeira da Banda.

    Aos 11 anos de idade Cuba se interessa por letras e músicas que o fizessem sentir energia, acalantasse suas dores e impulsionassem o imaginário. Desde então vem escrevendo para o mesmo fim, entretanto as intensidades se revezam.

    Participou de uma antologia poética em 1993 pela editora João Scortecci em Pinheiros. Neste mesmo ano teve uma publicação em um jornal interno da Folha de S.Paulo chamado Folha por Folha, onde apresentou uma poesia na coluna do jornalista Luiz Peres com a proposta que fazia referência aos casais iniciados a partir do ambiente profissional.

    O tempo que passava trazia outras parcerias e bandas de garagens como nos velhos tempos. Primeiro veio a banda Fundo Falso, depois Cuba fundou a banda Via Expressa onde se apresentaram em muitos lugares na cidade e Estado de São Paulo.

    Depois de 20 anos trabalhando no jornal, nos últimos anos como Analista de Negócios em Tecnologia, ex-estudante de Publicidade, formado em Sistema de Informações e pós-graduado em Governança de Tecnologia, o rio mudou o curso e promoveu o reencontro com a música. Agora Alexandre Cuba canta seu passado, presente e futuro.

    Em abril de 2018, Cuba entra em contato com Maurício Bob com a missão de recrutar parceiros musicais que pudessem apostar nos trabalhos autorais construído ao longo de uma vida toda. Tirar da(s) gaveta(s) palavras, melodias, notas, sons e ideias. Depois disso foi só questão de dias para recrutar as Outras Ilhas: Lake Persaud e Pedro Maprelian.

    Influências