Imagem de capa de Gustavo Cunha

Gustavo Cunha

Cidade/EstadoPelotas / RS
Plays20.639plays
Tamanho
Imprimir

Voo

Composição: Gustavo Cunha, Gabriela Cunha

voo voa solto, anjo torto desprende o cordão que te flagelou por lembrar do que foi cava a camada que corta o céu e o real nebulosa espiral a moeda e o pó vou ao ar e subo ao vento leve e distante longe do sopro da tempestade me exilei voa torto, anjo toma a imaginação de quem te roubou de quem te criou não te cederam asas pra sumir ao vento impulso clama desordem em súbito voo vou ao ar e subo ao vento leve e distante longe do sopro da tempestade avistei não receie ao ver nem vento contrário faz descer um torpe indomado desprendeu de quem fere e lhe impede o voo vou ao ar e subo ao vento leve e distante longe do sopro da tempestade avistei não receie ao não receie ao ver o céu ceder

89

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica