Imagem de capa de Marcelino Rap

Marcelino Rap

Cidade/EstadoSanta Maria / DF
Plays17.065plays
Tamanho
Imprimir

CICATRIZAR OS TRAUMAS DA ALMA

Composição: Marcelino Rap

Essa noite foi difícil não consegui dormir Um pesadelo e som de sirene no meu ouvir Por que será que esse som veio me afligir Será um dom, será visão será o que meu bom. Horário onde o perigo está à solta, Oro pra Deus juntar anjos em minha volta Se depender do sistema Ninguém ouvira meu socorro Se depender do sistema Será um homem morto Papel e caneta na mão Sem limite pra imaginação Os humildes se alegrarão Que minhas rimas tenham visão Dotado de capacidade Ao som da realidade. Riqueza com Deus é sinceridade No país da impunidade Esperar de uma justiça fraca E dar soco em ponta de faca A do homem é sega e maltrata A de Deus tarda, mas não falha. Não acredito em sonho de fadas. Trago lembranças nessa jornada Quero cicatrizar os traumas Que afligem a minha alma. Refrão 2x: E em busca de edificar aquele que ouvir A rima do poeta sempre fluir Não crio expectativa pra não me decepcionar Quero cicatrizar os traumas da alma Quando criança sonhava com a camisa do FLA. Jogava no time de várzea que eram os leões de Judá. Mostrava no meio campo que tamanho não é documento. Se fizer algo com amor Deus te dará o talento. A molecada na rua só pensava em brincar. Íamos tomar a baré que acabamos de apostar. Passava o dia na rua se esquecia de almoçar. No natal sempre tinha festa na casa do Jonatas. Tinha tempo para tudo que é tipo de brincadeira. A moda da malandragem era as pipas tomar. O som nos altos falante era o rapgangstar. Como as coisas mudaram de uns tempos para cá. Os manos pagando pelos erros cometidos pela vida. Com seus problemas e traumas refletindo como mudar Nesse mundão onde o vacilo sua vida pode marcar. Metamorfose é a jornada. Só Deus pra te resgatar. Refrão 2x E em busca de edificar aquele que ouvir A rima do poeta sempre fluir Não crio expectativa pra não me decepcionar Quero cicatrizar os traumas da alma Nunca pergunte o porquê e sim pra que Certo por linhas tortas onde Deus vai escrever No centro de sua vontade ele quer te ver Entregue sua alma ele será seu prazer Dinheiro é sujo minha mãe falava desde criança Vejo canalhas tomando conta das governanças Mantenha a cabeça erguida e os pés na disciplina Necessidade na qual fará da o valor na vida Assim como o beija flor repara que o nosso amor É baseado em influencias que derivam do valor A sociedade carente de gente influente Às vezes penso porque quem fez a diferença Injustiçados e não perderam a esperança Com argumentos capazes de mudar a humanidade Cortejo à insanidade para poder fazer parte Quero chegar a um lugar onde almas eu possa tocar Refrão 2x: E em busca de edificar aquele que ouvir A rima do poeta sempre fluir Não crio expectativa pra não me decepcionar Quero cicatrizar os traumas da alma Que meus inimigos não se alegrem de mim E Que o anjo do Senhor os faça fugir Resgata minha alma das assolações E livra-me do banquete predileto dos leões A salvação do justo sempre virá é do Senhor Ele é sua fortaleza em todo tempo de dor O ímpio carrega consigo que o coração bom nunca cai Dos laços do passarinheiro o livrará o nosso pai A recompensa do réu será o gosto do fel. Eleve seus olhos ao céu de onde vira o seu troféu Sobre a terra e o justo estão os olhos do Senhor Os seus ouvidos inclinados para o seu clamor Por que o amor se encontra em total escassez Só se procura o prazer e se encontra estupidez Vivendo sem tomar um gole do seu próprio veneno É o caminho de quem Deus está escrevendo. Refrão 2x: E em busca de edificar aquele que ouvir A rima do poeta sempre fluir Não crio expectativa pra não me decepcionar Quero cicatrizar os traumas da alma.

276

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica