Imagem de capa de Murilo Huff
Murilo Huff

Murilo Huff

EstiloSertanejo
Cidade/EstadoGoiânia / GO
Plays9.817.728plays
Tamanho
Imprimir

Se Tiver Coragem Joga Fora / Inevitável / Meu Segredo / Não Imploro Por Amor / Então Pode Ir

Composição: Felipe / Bruno / Zé Henrique / PRISCILLA BARUTCHY / Jorge / Fatima Leão / Vinicius.
Joga fora, então, se não é seu Se quer pergunta pro seu coração Não tenta me esconder Me diz que é pra valer Me faz acreditar que foi em vão As noites mal dormidas que passei Nas minhas orações te abençoei As vezes que sorri pra não chorar Vendo tanta indiferença em seu olhar Se você não me quer mais me diz agora Joga fora todo amor que eu te dei E às vezes que chorando eu te olhei E te pedi pra não ir embora Joga o meu sorriso no chão Meu olhar com tanta emoção Sem ter piedade, joga fora... Joga fora se você não quer mais Me fala se você for capaz Se tiver que ser, que seja agora... Diz olhando em meu olhar Sem ter medo, sem chorar Se tiver coragem, joga fora! É animal, é tão voraz essa paixão É vendaval, me tira a paz, faz confusão Chega a dar medo Sabe o segredo do meu coração É sempre assim Sem avisar, me surpreende Demais pra mim Quando, sei lá, chega e me rende Me devora Depois some A alma chora É inevitável te amar assim Quantas vezes digo não, mas lá no fim Sempre me entrego É inevitável o poder da paixão Se tento esquecer, lá dentro o coração Fica surdo, fica mudo, fica cego É sempre assim Sem avisar, me surpreende Demais pra mim Quando, sei lá, chega e me rende Me devora Depois some A alma chora É inevitável te amar assim Quantas vezes digo não, mas lá no fim Sempre me entrego É inevitável o poder da paixão Se tento esquecer, lá dentro o coração Fica surdo, fica mudo, fica cego Eu não vou te olhar nos olhos, tenho medo Eles podem revelar o meu segredo Eu pensava estar curado, foi engano, tudo errado Pois bastou te ver de novo, pra eu não resistir Vou fingir, num esforço sob humano Que faz tempo, eu te esqueci e não te amo Vou levar essa mentira até o fim Até não restar em mim, nenhum traço deste amor Eu não posso me entregar a tentação Que ao meu pobre coração trouxe tanto dissabor Eu vou te jurar que não há mais sentimento Se preciso for invento que tem outra em minha vida Eu vou te dizer que não és mais minha amada Mas que não me oponho em nada se quiser ser minha amiga É melhor te evitar, reprimir o meu desejo Um adeus, nada mais, sem o gosto do teu beijo Ou você me ama ou me odeia Sorri ou faz cara feia Pra eu não me confundir Ou você me bate ou me beija Me desdenha ou me deseja Tá afim ou não tá nem aí Eu sou remédio pra sua carência E meu teste de paciência É ter que decifrar o seu humor Mas vê se olha a sua concorrência Pensa e põe na consciência Que eu não imploro por amor Que eu não imploro por amor Se me quiser Tô aqui no canto, bebendo e cantando Me procura quando resolver me dar algum valor Eu não sou do tipo sem vergonha Que apaixona quando apanha E ainda lambe o chão que você pisou Eu não imploro por amor, eu não Eu não imploro por amor, eu não Eu não imploro por amor (eu não) Você me fala com tanta certeza Que não tem medo de nada Seu amor tá me deixando E buscando outra estrada E o mundo em minha volta É só dor e solidão Você me pede pra que eu te esqueça De um jeito indiferente Esqueceu que no passado Meu amor se fez presente Enfrentando frio e chuva Pra aquecer seu coração Acontece que está tão diferente E eu não posso fazer nada Solidão é companheira Quase toda madrugada Implorar não adianta Se não vai querer ficar Então pode ir Mas vai na certeza que vai de uma vez Esquece essa vida e o que a gente já fez Que o meu coração vai levando com jeito Então pode ir Mas vai na certeza que fica uma dor Que fica a tristeza e um resto de amor Virando a cabeça e rasgando meu peito

56.440

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica