Imagem de capa de Pablo Clariê
Pablo Clariê

Pablo Clariê

EstiloMPB
Cidade/EstadoFlorianópolis / SC
Plays5.668plays
Ver mais vídeos

Comunidade

OuvintesIranilsonreis761 e outros 384 ouvintes
Iranilsonreis761Iranilsonreis761Iranilsonreis761Iranilsonreis761Iranilsonreis761
Fã-clubeAparecida Inácio e outros 10 fãs
Aparecida InácioAparecida InácioAparecida InácioAparecida InácioAparecida Inácio

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Release

“Aurora’’, primeiro EP de Pablo Clariê, traz na bagagem referências
do jovem artista.
De Florianópolis, o primeiro EP conta com músicos já conhecidos da cena local.

Pablo Clariê, de Florianópolis, é um jovem artista de 19 anos que se dedica à música desde muito novo. Lançou,02 de Abril, seu primeiro EP autoral “Aurora”, que conta com quatro faixas. O primeiro single de Pablo, que leva o nome do EP, foi lançado no dia 05 de março e alcançou, até então, mais de 10 mil plays nas diversas plataformas digitais. Você pode acompanhar o artista nas redes sociais.

“Para mim, lançar Aurora significa realizar algo que há pouco tempo parecia distante. Ter produzido esse EP com tantas pessoas que são referência para mim foi, sem dúvidas, a realização de um sonho. É inominável a felicidade que tenho de ter escrito esse primeiro parágrafo da minha trajetória na música dessa forma.” comenta Pablo sobre o trabalho.

A motivação para gravar suas canções autorais veio do apoio de amigos, familiares e professores após ter participado e ganhado prêmios no Festival da Canção do Colégio Catarinense de 2019. Com esse incentivo, o artista começou a refletir quais seriam as sensações que gostaria de passar e quais referências permeariam essa história.

“Aurora” conta com produção musical de Misael Pacheco (Estúdio 186) e participação de músicos conhecidos da cena florianopolitana como o baixista João Peters e o baterista Gustavo Grillo, ambos integrantes do trio instrumental Grillo e os Mosquitos, além de Hugo Chiaradia, tecladista e produtor musical carioca, o baterista Tiago Gonçalves e a cantora Mariah Alves. A produção executiva é de Emanueli Dalsasso (Dalsasso Produtora) e a capa do single foi idealizada por Beatriz Ruthes, com direção artística de Thayne Pereira.

Trajetória de Pablo Clariê

Pablo Clariê nasceu em Jaguari (RS) em 2002, filho de gaúchos cuja descendência é dividida entre povos nativos Charrua e imigrantes italianos e espanhóis. Seu amor pela música nasceu aos 3 anos de idade, quando começou a pegar as panelas da cozinha para montar na sala sua ‘’bateria’’. Junto à sua avó, acompanhava a rádio local e, depois de muito batucar nas panelas, ganhou seu primeiro instrumento: um tamborzinho amarelo.

Pablo mudou-se para Florianópolis em 2006, onde começou a ter contato com o reggae, o samba e o teatro, artes que fundamentaram muitos dos gostos que hoje tem. Em 2010, aos 8 anos, começou a participar de uma oficina de musicalização oferecida pela Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC) e, concomitantemente, começou a tocar chocalho nas rodas de samba do bairro Itacorubi, onde — segundo o artista — foi sua maior escola de música.

Posteriormente, ingressou em 2014 no Projeto Novos Talentos - SC Games, onde compôs e produziu trilhas sonoras voltadas para jogos, da música clássica à popular. Na época em que fez parte do projeto, foi aluno de Gilberto André Borges, mestre em música pela UDESC e integrante do trio SulJazz, que o apresentou e aprofundou no estudo da harmonia.

Em 2018, Pablo participou pela primeira vez do Festival da Canção do Colégio Catarinense com sua banda Matita Perê, onde ganhou o prêmio de Melhor Instrumentista - prêmio que ganharia também em 2019 junto com o de Melhor Arranjo. Ainda em 2019, ingressou nos palcos do Núcleo Cênico do Colégio Catarinense, onde ganhou segurança e começou a enxergar a arte como profissão, muito influenciado por seus professores Rafael Reüs e Edélcio Philippi.

Atropelado pela pandemia, em 2020, o artista começou a procurar um produtor para tirar do papel o EP que tanto sonhava. Depois de muitas desventuras e tentativas sem sucesso de chegar na sonoridade desejada, o músico encontrou Misael Pacheco, guitarrista e produtor musical, com quem conseguiu desenvolver as ideias dos arranjos e atingir a linguagem pretendida. Por fim, em 2021, o jovem artista lançou seu primeiro EP autoral, intitulado “Aurora”.

Playlists relacionadas