Imagem de capa de Pedro Munhoz-Oficial
Pedro Munhoz-Oficial

Pedro Munhoz-Oficial

EstiloMPB
Cidade/EstadoPicos / PI
Plays22.942plays
Tamanho
Imprimir

Procissão Dos Retirantes

Composição: Pedro Munhoz / Martim Cesar

Procissão Dos Retirantes (Pedro Munhoz/Martim Cesar) CD: Cantigas De Andar Só - 2002 Terra Brasilis, continente, Pátria mãe da minha gente Hoje eu quero perguntar: Se tão grandes são teus braços, Por que negas um espaço Aos que querem ter um lar? Eu não consigo entender, Que nesta imensa nação, Ainda é matar ou morrer Por um pedaço de chão. Lavradores nas estradas, Vendo a terra abandonada, Sem ninguém para plantar. Entre cercas e alambrados, Vão milhões de condenados A morrer ou mendigar. Eu não consigo entender, Achar a clara razão, De quem só vive pra ter E ainda se diz bom cristão. No Eldorado do Pará, Nome índio Carajás, O massacre aconteceu. Nesta terra de chacinas, Essas balas assassinas, Todos sabem de onde vêm. É preciso que a justiça e a igualdade Sejam mais que palavras de ocasião. É preciso um novo tempo, Em que não seja só promessa Repartir até o pão. (A hora é essa de fazer a divisão) Eu não consigo entender Que em vez de herdar um quinhão, Teu povo mereça ter Só sete palmos de chão. Nova leva de imigrantes, Procissão dos retirantes Só a terra em cada olhar. Brasileiros, feito nós, Vão gritando, mas sem voz, Norte a Sul não tem lugar. Eu não consigo entender Que nessa imensa nação, Ainda é matar ou morrer Por um pedaço de chão. Pátria amada do Brasil, De quem és, ó mãe gentil Eu insisto em perguntar: Dos famintos, das favelas Ou dos que desviam verbas Pra champagne e caviar? Eu não consigo entender Achar a clara razão, De quem só vive pra ter E ainda se diz bom cristão.

365

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica