Imagem de capa de Terra Celta
Terra Celta

Terra Celta

EstiloFolk
Cidade/EstadoLondrina / PR
Plays82.783plays
Tamanho
Imprimir

Caranguejo

Composição: Elcio De Oliveira Filho, Alexandre Garcia De Oliveira, Arrigo Edgar Nakandakari, Leonardo Dos Santos Cacione, Eduardo Brancalion, Bruno Guimarães

Caíram Meus Castelos Meu Reino Desabou E Entre Dois Sóis Meu Mundo Então Virou A Beira De Um Abismo Um Aperto No Peito Tudo Fica Escuro Me Abrace Eu To Com Medo Chorar É Tão Mais Fácil Mentir Que Acabou Mas Há Uma Voz La Dentro Que Ainda Não Calou Chorar Não É Desculpa Pra Desistir Assim Não Fujo Desta Luta Sorrindo Até O Fim E Quando Meu Cabelo Se For Quando Não Houver Mais Rancor Da Vida Eu Só Quero O Amor E Viver Amanhã E Viver Amanhã No Meio Desta Guerra Sei Que Não Estou Só Mas Todas As Certezas Já Viraram Pó Não Luto Por Tesouros Não Luto Por Amor Armada De Esperança Encaro A Minha Dor De Um Destino Certo Que Me Foi Herdado Na Teia De Uma Aranha Que Tece O Meu Passado De Um Destino Tolo Que Sigo Negando Sou Quem Faço As Regras Então Sigo Cantando E Quando Meu Cabelo Se For Quando Não Houver Mais Rancor Da Vida Eu Só Quero O Amor E Viver Amanhã E Viver Amanhã E Basta Um Momento Pra Tudo Mudar E Basta Uma Noticia Pra Tudo Mudar Maldito Carangueijo Não Vai Me Levar Pro Fundo Do Mar Não Sem Eu Lutar E Quando Meu Cabelo Se For Quando Não Houver Mais Rancor Da Vida Eu Só Quero O Amor E Viver Amanhã E Viver Amanhã E Quando Meu Cabelo Se For Quando Não Houver Mais Rancor Da Vida Eu Só Quero O Amor E Viver Amanhã E Viver Amanhã

19

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica