Tribo da Periferia

Cidade/EstadoBrasília / DF
Plays224.323.255plays
Tamanho
Imprimir

Ex Engraxate

Composição: Tribo da Periferia

O dinheiro mata, a pobreza faz chorar, a paz agoniza, o pensador se arma, mas tudo vai ficar bem. O espelho de onde eu sou não reflete o que ele é, quero tudo que eles têm, tenho tudo que eles quer. Vida sofrida hoje eu quero é um brilho na guarita atenção pras minhas fitas assista mais de mil visitas o mesmo céu que pra uns é bem melhor o mesmo céu pra outros já demoro o sucesso hoje tá escasso conquiste o seu espaço tem do jeito certo do jeito errado e do jeito que eu faço um drink gelo wisk pros gladiador requinte puta chique salve sofredor tô de novo valor Cê gosta não que eu sei por que a mesa virou e o plebeu virou Rei ao meu domínio encontrei o dono do mundo mendigando lombra e pagando pra vagabundo e por isso tô vivo e o frevo começou quero te ver sorrindo e compensar o que cê passou quantas vezes de o Ed de madrugada pé na porta arma na cara quebra tudo e não acha nada satisfação pra mim é ver os gambé pensar fim de semana em que frevo a gente vai dar, narguilê bandio maçante chocolate fumaçei gíria do mundo ex engraxate um momento pensante dispenso os diamantes compensa ser o cisco sábio em terra de gigante . O dinheiro mata, mas tudo vai ficar bem, a pobreza faz chorar, mas tudo vai ficar bem, a paz agoniza, mas tudo vai ficar bem, o pensador se arma, mas tudo vai ficar bem. É e o vento sopra a poeira estanca a pipa treme arranca o telhado sobe à fumaça brasei o baseado acende apaga a vela do finado e eu sobrevivendo nisso tudo eis aqui moleque de belo pixaim nada pra oferecer rotulo de humilde MC tá ai ex engraxate concurso superior com o exemplo muito ensinou e o estado não graduou sofredor que valoriza o sofredor inocento que faz as lágrimas e a dor virar dinheiro com o tempo quantos vejo no momento afogados em prantos lamentos Ri na tua cara por fora e sofre morrendo por dentro eu não quero trocar sua vida em diamantes eu dou a minha pela sua e os brilhantes eu quero eles contente e não com medo de mim eu quero os boys regando as papoulas do meu jardim então vem nois dois compõe essa vacina eu tenho os contatos e você financia a firma um momento pensante dispenso os diamantes compensa ser o cisco sábio em terra de gigantes. O dinheiro mata, mas tudo vai ficar bem, a pobreza faz chorar, mas tudo vai ficar bem, a paz agoniza, mas tudo vai ficar bem, o pensador se arma, mas tudo vai ficar bem

823.607

plays

Comentários

Filtrar Por:

Playlists relacionadas à musica

Tribo da Periferia

Cidade/EstadoBrasília / DF
Plays224.323.255plays
VER TODAS AS MÚSICAS
Ver todos os álbuns
Ver mais vídeos

Comunidade

Ouvintesenzo hiran e outros 66.497 ouvintes
Fã-clubeJeane Monteiro e outros 9.783 fãs

Comentários

Filtrar Por:
DuckjayVoz
LookVoz

Release

O grupo brasiliense Tribo da Periferia ou simplesmente TRIBO, para seus milhões de
fãs por todo território nacional, foi fundado no início de 1998 por seu vocalista Duckjay.
Nascido em Planaltina (DF), o grupo é reconhecido por todo o Brasil e se destaca pela
inovação e criatividade em suas composições.

Duckjay (Luiz Fernando da Silva), criador da Tribo, é brasiliense, além de
cantor, é autor e produtor musical de suas músicas. Duckjay começou a compor ainda
muito jovem e hoje, em parceria com seu amigo Look, também cantor e compositor,
formam a Tribo.

Em seus 20 anos de sucesso o grupo Tribo é considerado como um dos percussores
do rap nacional, conta com mais de Dois milhões de inscritos em seu canal oficial,
suas musicas, com letras que falam de sonhos e da realidade no Brasil, têm mais de
Meio bilhão de visualizações em seu canal do Youtube. Musicas como Alma de Pipa e
Insônia, estão com aproximadamente 100 milhões de views cada uma. Do novo
projeto, 5º O Último – Nem foi Combinado tem mais de 26 milhões de visualizações,
Doce da Alma já ultrapassa os 17 milhões de views e Imprevisível lançada dia 5 de
abril já tem mais de 7 milhões de visualizações.

Com apresentações por todo território nacional, a Tribo arrasta multidões, enchendo
as casas de shows por onde passa. O público presente é fã fervoroso do grupo, jovens
que cantam as músicas do início ao fim e carregam pelo corpo tatuagens com trechos
das letras de suas músicas, principalmente.

Tamanho sucesso com letras que aproximam crianças, jovens e adultos, falando de
amor, fé, coragem, futuro e sonhos, faz com que Tribo esteja entre os
maiores nomes do rap nacional e da musica brasileira na internet, são mais de 600 mil
seguidores em seu Instagram, 3 milhões de curtidas em sua página oficial do
Facebook e mais de 2 milhões de inscritos em seu canal oficial no Youtube.

Com uma agenda de mais de 15 shows mensais, a Tribo continua divulgando seu
trabalho por todo Brasil, preparando novas músicas e novos videoclipes, do projeto 5º
Último e esquentando os motores para as comemorações dos 20 anos da Tribo, que
acontece este ano.
 
Discografia - 6 álbuns publicados: o primeiro a ser lançado foi “Verdadeiro Brasileiro”
(2002), seguido de “Tudo Nosso” (2005). Seis anos após o lançamento do primeiro
álbum, o grupo passou a intitular os discos como - “1º Último” (2011), “2º Último”
(2013), “3º Último” (2014) e “4º Último” (2016). Atualmente o grupo trabalha no
próximo projeto “5º Último".
Hits - Alguns dos sucessos lançados pela Tribo: “Carro de Malandro” foi um dos
primeiros hits do grupo. Em seguida vieram: “Pode Olhar Que Eu Deixo”, “Marciano”,
“Aniversário do Colombiano”, “Ela tá Virada” e “Alma de Pipa”, “Insônia”, “Perdidos em
Narnia”, “Nem foi Combinado”, “Doce da Alma” “Imprevisível”, entre outros. Todas as
músicas da Tribo são produzidas pelo próprio Duckjay, no seu estúdio - Kamika-z.
 
Prêmios - Em 2016 a Tribo ganhou o prêmio Palco Mp3 como o artista mais acessado
na categoria Rap - Hip Hop. O grupo foi premiado também como o artista mais
acessado do Distrito Federal, por milhões de inscritos no Youtube. Além disso, o músico Duckjay, em 2008, foi indicado ao prêmio Hutiz, como melhor produtor musical
do Brasil.

Playlists relacionadas

Home