DE NORTE A SUL DE MATO GROSSO DO SUL

Vander Paes

DE NORTE A SUL DE MATO GROSSO DO SUL

Ao fazer esta viagem vou o meu estado mostrar
Render singela homenagem de tudo um pouco falar
Do meu Mato Grosso do Sul que é lindo por natureza (declamado)
Na lavoura e na pecuária é um celeiro de riqueza
Terra de grandes artistas e de expressão mundial
É nossa maior conquista, é orgulho nacional!

Deixei Sonora da usina açucareira,
Rios e belas cachoeiras para o estado mostrar
Lá em Coxim vi o pé de cedro famoso
De um poeta saudoso bem ali a repousar
Fiz um passeio por Rio Negro e Aquidauana
Pela ponte de Miranda eu passei pra Corumbá

Quanta beleza eu vi por lá
Um carnaval e um festival de arrepiá
Forte Coimbra e a pesca no Rio Paraguai
Encantam o turista que vai
Na natureza descansar

Bodoquena, Jardim, Bonito é coisa linda!
Rios de águas cristalinas com os peixes fui nadar
Um santuário em aquário natural
No inverno tem festival, araras lindas a voar
De Bela Vista, lá beira do Rio Apa
Um presente pra amada fui ao Paraguai comprar

Na brisa fria da manhã
O chimarrão aquece em Ponta Porã
Tudo é em dólar mais é tudo tão barato
No comércio de importados
Ali em Pedro Juan

Rumo a Dourados, Caarapó, Naviraí,
Nova Andradina que eu vi enormes fazendas de gado
Em Três Lagoas da Usina Jupiá
Eu fui pelo rio Paraná em Aparecida do Taboado
Paranaíba, Cassilândia e Costa Rica
Da cachoeira bonita lá no leste do estado

Por lá que nasce o Taquari
E corre imenso até se unir ao rio Coxim
Se misturando na bacia fluvial
Vão irrigando o pantanal
Naquela planície sem fim

Outras cidades não ficaram esquecidas
Vou em outra comitiva, já está tudo acertado
Quero nadar nas sete quedas de Rio Verde
Tem o leitão no rolete, São Gabriel tá agendado
Gastronomia é um cardápio de delicias
O churrasco da linguiça em Maracaju falado

De norte a sul num solo de fertilidade
Este estado é na verdade um manto verde abençoado
Camapuã tá pertinho de Bandeirantes
Tô chegando em Campo Grande, na BR acelerado
Gente bonita na avenida Afonso Pena
Linda Cidade Morena, Capital do meu Estado

Vem ver que gostoso que é
Matar a sede na roda de tereré
Com Almir Sater ouvir o som da viola
Maciel Correia e Dino Rocha
Na sanfona, o chamamé

Meu Mato Grosso do Sul
Um paraíso de beleza natural
Fauna e flora em perfeita harmonia
É puro encanto e magia o nosso lindo Pantanal

Meu Mato Grosso do Sul
Por ser tão forte, do norte se dividiu
Pra ser orgulho desse povo que merece
Um Estado que engrandece
O Centro Oeste e o Brasil.

Meu Mato Grosso do Sul!
(som de berrante)

Músicas mais acessadas

Release

Compositor Vander Paes de Campo Grande MS, apresenta aqui suas músicas inéditas em guias não profissionais. Editadas na Rede Pura