Imagem de capa de Preto

Preto

Cidade/EstadoRibeirão Preto / SP
Plays50.998plays
Tamanho
Imprimir

Bar Da Vida

Composição: Preto, João D Deus

sex on the beach um mojito ou gin tônica no bar da vida fecha a conta ou passa a régua frutos cinzas e seus paladares esconderam as cores das catástrofes ce veja como é irônica a vida é bela d'italia cuidado onde pisa podia ser mastroianni virou roberto benigni essa ressaca é um jet leg infinito desde a partida é algo que o neon ofusca dentro do olho que brilha qualquer gole que me ajude a não lembrar de esquecer outra dose da garrafa de S.O.S Sirva cianureto e Todos bebem Numa palavra que amarga o que ninguém pode conter encontrar porque perdi na gota do resgate são bernardo me abençoa ceia, pão e conhaque, amor isso é um boteco e o meu peito agora é um copo aonde eu finalmente posso essa minha lágrima enxugar degusta meia taça desgosto amargo um gosto sem gostar um querer sem poder que engasga envelhecido e seco na boca te enjoa veneno que destila doce líquido num cálice degusta meia taça desgosto amargo um gosto sem gostar um querer sem poder que engasga envelhecido e seco na boca te enjoa veneno que destila doce líquido num cálice e só Pedi Tequila me deram leite materno Só quero sair daqui e ser mais correto Me afogar no mar da cura momentânea Esquecer por um segundo a vida errônea Sou um Engradado de todo o rancor Fingindo ter a cura seja pro que for Nesse inverno quente de amor fraterno superando o interno, dos tempos modernos Por um grande momento, veneno eu quero Pra continuar, ser, um mero subalterno Mas aqui eu era Rei, pagava a rodada na saideira da vida, eu não sou mais nada E na dança do tempo, fiz baryshnikov No drink da morte, tomei mais um gole pra ressaca da alma, tomei um engov matei minha sede com coquetel molotov Acende um beck no meu molotov.. Acende um beck no meu molotov..

3

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica