Imagem de capa de Zinho Bueno
Zinho Bueno

Zinho Bueno

Cidade/EstadoFlorianópolis / SC
Plays30.744plays
Tamanho
Imprimir

Faz (Part. Caru, Umteto E Indium)

Composição: Zinho Bueno; CARU; UMTETO; INDIUM

"Reinvente-se. Reconstrua. Faça dessa vida um espaço completamente diferente. Faça. Suavida vai continuar sendo muito feliz. Não se acostume ao fracasso. Acostume-se à felicidade. Desafiem-se. Sejam melhores. A vida só vale a pena se ela for intensamente vivida. Intensamente aproveitada dentro desses objetivos. Por quê que eu sei isso?" Vai sem licença, na crença Que na estrada a sorte esbarra em si Já não suporta a corda que amarra Agarra a jarra pra suprir a sede Na parede No chão que se estende Por caminhos tortuosos da mente, me entende? Quer mais? Quem traz? Só acha quem vai atrás Mas quem faz é quem vai na frente No bip, uns querem trip Flip, clipe, don't sleep Consultas na tabela Fipe Mic e beat no Reaper Parcelar tudo num Hiper Pra que a estiga emancipe Se antecipa! Difícil ficar se prendendo Já ta sabendo, tá tendo Quem quer fazer, já tá fazendo É uma vontade que invade de botar em prática Não adianta esperar que as coisas caiam pro lado de cá Quer mais? Quem traz? Só acha quem vai atrás Mas quem faz é quem vai na frente Hoje é pão e vinho Que abram os caminhos Veja a dor que o frio alimenta A tormenta de espinhos Quebrei o ferro que acorrenta E me aliei com o vizinho Assim a vila se alimenta E enfrenta o caminho Não estamos sozinhos Em terra de guerra famigerada, a fome é gerada Mas foda-se, vamo tomar uma gelada, uma bala e dar um pt. Pra que? Pensando em tudo que vi nessa vida Vi que vi nada Na moral? Prefiro não ver Prefiro ver uma vídeo-aula Dar uma transada antes que o meu corpo morra E eu não possa mais ter Não é Namastê A vida é uma grande aposta onde vários vão se foder Alguns sem ter alguma chance e outros sem nem enteder E outros sem nem entender Que a vida é uma grande aposta onde todos vão se foder E por que longe de quem tá tão próximo? É que ninguém se dá ouvidos Seres abatidos Comunicar parece código Era lógico, hoje é cômico Não enxergarmos o óbvio Almejarmos só pódio Algemados à tóxicos Tranquilidade, sonho utópico Voa como folha seca em ventania Mistura na agonia que fica Felicidade só em nostalgia Se esvai a vida Devagar se esvazia Tão triste e linda Mas do que valem esses dias? Se no final não tem saída Cada um com suas teorias E eu vou na minha Desbravo a mata, abro as trilhas onde for Pensando sobre notas e o que compôr Mundo ao redor ou mergulhar no interior Concentrado no que compôr demais Melhor deixar isso de lado e ouvir a voz que grita FAZ Um vinho pra abrir as portas, não tô sozinho Dentro e fora desse mundo Busco e alinho órbitas De nossas carcaças fórmicas Ótimas sensações de palpite, a lógica Quanto mais vou pagar pra poder viver na sombra? Substrato que nos supre vem da soma No buraco pra subir, irmão, nós vai que vai Quando a fonte afronta a terra, é que a água sai O problema vem só no discurso Discorrendo sujo por água abaixo Desembocando no oceano que apaga os olhos na noite sem facho Sem freio, semeio os "acho" Melhor que usar-me em capacho Deus é amor? Só é difícil abrir os braços Dedos que apontam não servem pra escrever Escola tem greve pagando pra não ver Por resultado final Nossa história é bem mais que clichê Acontece agora, registra pra ver A vida além do bem e o mal

1.607

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica