GRUPO FEITO EM CASA

EstiloSamba
Cidade/EstadoPelotas / RS
Plays494plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

OuvintesHaroldo de Campos e outros 1 ouvintes
Fã-clubeSelma Elias dos Santos e outros 1 fãs

Comentários

Filtrar Por:
José Carlos SoaresVoz, Percussão
Marlene Assumpção da SilvaVoz
Fernando BarbosaVoz, Percussão
Ver mais integrantes

Release

A banda formada por nove amantes da música brasileira, do samba e da bossa nova que fizeram história também em outros grupos da cidade – a idade média dos integrantes varia entre 65 e 74 anos -lançou o álbum Feito em casa é assim em show no Theatro Guarany no mês de outubro/2013.
Os fundadores e músicos mais antigos do grupo Armando Doró, Fernando Barbosa, Milton Pereira e José Carlos Soares afirmam que quando resolveram se reunir para tocar, em 1989, não passavam de uma banda de garagem. Durante cinco anos de encontros cotidianos para ensaiar composições de artistas como João Bosco, Toquinho, Vinicius de Moraes e Beth Carvalho, que ganharam um ritmo mais animado, outros músicos começaram a compor o Feito em Casa.
Na década de 90, Marlene Assumpção se uniu ao “clube do bolinha”, como brincam os meninos sessentões. Única mulher do grupo, deu um timbre feminino às melodias. Conhecido através da rede de amizades, o grupo que sempre foi uma atividade paralela dos trabalhadores – hoje em maioria aposentados – tornou-se conhecido na região sul onde o próprio público começou a pedir shows. Os espetáculos sempre foram em ritmo de festa, conforme sempre pretendeu o conjunto que têm a música como hobby, motivo pelo qual por muitos anos, na época do auge dos shows, o tornou alvo de críticas por outros músicos: “Nunca vivemos da música, os recursos dos shows eram usados para investimento da própria banda, compra de instrumentos, custeio de viagens... por isso cobrávamos pouco ou tocávamos até de graça e isso na época gerou críticas por parte de outros músicos”, conta Milton.
José Carlos diz que essa essência e particularidade do Feito em Casa é que mantém o grupo unido por mais de duas décadas. “Essa banda dura até agora porque nunca foi pelo dinheiro”, diz. Apesar de terem percorrido diversos municípios para fazer apresentações, o Feito em Casa criou raízes na terra de seus integrantes, Pelotas, onde de 1991 até 2008 realizou shows anuais no Teatro Sete de Abril (fechado desde 2010).
“A quantidade de público sempre nos surpreendia, mas um show em especial me marcou muito, pois chovia torrencialmente no dia e estávamos certos de que quando abrissem as cortinas haveria apenas meia dúzia de gatos pingados na plateia, mas ela estava lotada”, conta Milton que se emociona ao relembrar do carinho com que o grupo sempre foi tratado pelo público.

Playlists relacionadas

Contrate

NotaAzul Produções - Haroldo de Campos

(53) 3279 - 1390 | (53) 8116 - 0403http://grupofeitoemcasa.blogspot.com.br/
Home