Alice Quer Ser Punk

Cidade/EstadoOlinda / PE
Plays1.267plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

OuvintesLuiz Claudio Leite e outros 1 ouvintes
Fã-clubeBonde Sem Freio e outros 19 fãs

Comentários

Filtrar Por:
Mery LemosTeclado
IttoGuitarra Solo
Romildo RomaBaixo
Ver mais integrantes

Release

A Alice Quer Ser Punk, banda montada em Setembro de 2000, é uma entidade sonora, poética e visual; um sincretismo de idéias e crenças; punk não na música, mas na atitude ideológica do faça você mesmo / Alice Quer Ser Punk faz um rock malemolente, uma MPB pervertida, psicodelia tropical; criativo, belo e violento, ou como gostamos de adotar, MPB (Música Psicodélica Brasileira), inusitada, instigante e ao mesmo tempo sofisticada, simples e dançante / A Alice Quer Ser Punk começou com quatro componentes: Romildo Roma (baixo), Primo Ferreira (guitarra e vocal), Rosimery Lemos (teclados e vocal) e André Schabba (bateria), com essa formação e pouco mãos de dois meses de existência, tocou e ganhou o primeiro lugar no Festival de Música Venuziana do Bem, no Bar do Bigode, Cidade Universitária; logo em seguida entra na trupe Fabiano Rás (percussão) / Em 2001 o grupo gravou a Demo Ensaio Grand Finale e fez vários shows em todas as cidades da Região Metropolitana de Recife; Olinda, Paulista, Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho e Jaboatão dos Guararapes, além é claro de várias apresentações na Capital de Estado / Em 2002 aconteceram algumas alterações na banda, a entrada de uma nova percussionista, Silvana Café, logo após sai Fabiano e dá lugar a Catarina Apolônio, com essa formação a banda grava o single da música Hiperatividade nos estúdios do departamento de música da Universidade Federal de Pernambuco,além do clipe dessa mesma música produzida por alunos do curso de Rádio e Tv da UFPE / A Alice Quer Ser punk segue tocando em vários eventos pela cidade, na Rádio Concha, calourada 2002 da UFPE ; no aniversário de um ano do Programa Coquetel Molotov na Bomba do Hemetério, em eventos no Alto José do Pinho e no Nascedouro de Peixinhos/ Outras alterações acontecem na banda, sai Silvana Café e André Schebba e Felipe assume a bateria e com essa formação a Banda segue participando de vários eventos, além de gravar a sua segunda Demo. Em 2004 o grupo da uma parada / Em 2008 a Alice Quer Ser Punk retorna a cena musical de Pernambuco / Depois de quatro anos numa peregrinação por mundos paralelos, ela volta com nova formação, a mesma energia e uma musicalidade única, mais apurada, mais velha e encorpada / Quem nunca viu, já ouviu falar e agora vai poder ver e ouvir essa que é uma das bandas mais interessantes a surgir no universo musical intergaláctico / Bem vindos ao mundo da Alice Quer Ser Punk.

Playlists relacionadas

Contrate

Home