Imagem de capa de Andréa Manoel

Andréa Manoel

EstiloMPB
Cidade/EstadoFortaleza / CE
Plays8.455plays

Música em destaque

A Beleza Da Rosa
Ver mais vídeos

Comunidade

OuvintesRoberto Siqueira Lima e outros 828 ouvintes
Fã-clubeArlindo Rafaski e outros 20 fãs

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Release

Andréa Manoel é cantora, compositora e educadora. Lançou seu primeiro EP em 2012, autointitulado "Andréa Manoel"(disponível em seu SoundCloud), e seu primeiro álbum "Poética.Telúrica.Concreta"em 2019 (disponível nas principais plataformas de Streaming). Andréa é apaixonada pela cultura brasileira, especialmente a nordestina. E como ávida pesquisadora, utiliza a música contemporânea, especialmente a experimental e a eletrônica, como suas aliadas, e isso é bastante claro em seu primeiro álbum. Mas Andréa se declara com a alma antiga, gosta de instrumentos restaurados, de equipamentos analógicos, e de músicas que ouvia na infância por influencia de seus pais, entre elas o chorinho, a música seresteira, o samba-canção e o forró pé-de-serra. Mas revela: "ouçomúsicas de todas as épocas e de todas as nacionalidades, pois isso enriquece o meu repertório composicional.. ouço desde o que foi lançado a cinco minutos em plataformas de Streaming, amúsicas que meu pai diz ter ouvido na infância em rádios A.M." conta ela.
Andréa Manoel traz poesia, letras que nos fazem prestar atenção na música brasileira, no que ela tem de mais profundo,somada a uma boa pitada da música moderna, misturada à nostalgiada música antiga.

Em seu primeiro álbum "Poética.Telúrica.Concreta , Andréa faz reflexões sobre o sertanejo e suas lutas, em paralelo com as lutas dos habitantes das cidades grandes, levando a um ponto em comum, a reflexão sobre as máquinas mantenedoras do poder. Em seu primeiro disco, com treze faixas de sua autoria, produzido por ela mesma, Ivan Timbó(Sepassando.Rec), Carlos Gadelha(Jardim das Horas) e Roque Ney Mota, e que levou três anos para ser concluído, ela mostra as disparidades e encontros entre cidade e sertão, como dois ambientes de resistência. De um lado a poeira, a aridez, os grandes campos abertos com arvores que parecem mortas por causa das grandes secas, e de outro, o concreto, os arranha-céus, a multidão frenética por causa da correria dos grandes centros.
Mais uma das qualidades do seu primeiro álbum, além do time da produção musical, são as participações especiais nos instrumentais, entre eles Oscar Arruda, Cid, Emmanuel Braga Jr.(Descendentes da Índia Piaba), Ednar Pinho(Argonautas), Carlinhos Maia e RomualdoBass(Renegados).

A Beleza da Rosa é uma composição de Pedro Antônio Ferreira(Pedrinho) e Hélio Villar(Helvilar), conhecida, na década de 70, através da voz do, saudoso cantor, José Ribeiro. Foi uma das joias que Andréa Manoel garimpou para o repertório do seu segundo EP, "Prelúdio", cujas faixas remetem às raízes da música brasileira, e onde esta é a primeira faixa a ser lançada, como single. O EP será lançado, na integra, em breve, e esta faixa é o prelúdio nº 1 do EP.Para Andréa, esta é mais que uma obra de arte musical, é um resgate afetivo. "Lembro da minha infância, meu pai escutando o vinil, na radiola da sala, enquanto eu soletrava a ficha técnica, na contracapa do disco,sem compreender muito bem os escritos, apaixonada por aquela arte... Aquela música me tocava, profundamente, tinha um pesar, uma melancolia que me atraía, um drama apaixonante, uma beleza pesarosa. Mesmo sem compreender aquele lamento, eu amava tudo aquilo" - conta ela. O EP foi produzido por Caio Castelo, que se reveza entre violões, baixo, backings e percussões,tem Clau Aniz no clarinete e Artur Guidugli nas percussões. O trabalho é uma viagem à música antiga brasileira, com o frescor da atualidade.

Playlists relacionadas