Imagem de capa de Baladeva Nitai
Baladeva Nitai

Baladeva Nitai

EstiloRock
Cidade/EstadoBelo Horizonte / MG
Plays1.440plays

Comunidade

OuvintesAmaral Adonias Silva e outros 63 ouvintes
Amaral Adonias SilvaAmaral Adonias SilvaAmaral Adonias SilvaAmaral Adonias SilvaAmaral Adonias Silva
Fã-clubeEdio Alves Cardoso e outros 3 fãs
Edio Alves CardosoEdio Alves CardosoEdio Alves CardosoEdio Alves Cardoso

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Release

Baladeva Nitai - You the Others (Você os Outros)

“… Parece rock groove, Magical Mystery Tour, para mim, espiritual, canções de amor, efeitos giratórios, groove, às vezes como yoga ...” (Robert Singerman)

"Quem sou eu?" Essa é a primeira pergunta que um ser humano deve fazer quando começa a desenvolver alguma consciência. Quando nascemos neste planeta, em uma determinada cultura, ganhamos um tipo de estilo de vida das pessoas e do meio ambiente que nos rodeia. Crescemos com tantas concepções e tudo isso se expressa na nossa personalidade e na forma como nos relacionamos com os outros - com as pessoas, com outras espécies de vida, com a natureza e enfim com todo o universo que vai além da nossa compreensão. Nesta jornada da vida é sempre melhor não fingirmos com a intenção de “Satisfazer a Ilusão deles”, melhor não fingirmos agradar aos outros. Isso definitivamente não é amor e nunca funcionará para o objetivo desta vida. Se temos esse dom de nosso livre arbítrio, vamos escolher a verdade e fazer um bom desejo quando virmos uma mágica "estrela cadente" no céu. Se formos diferentes e se houver diversidade de forma tolerável, você pode respeitar isso. Mas se você sente que algumas pessoas estão trazendo sofrimento para outras, e você percebe que você “Não é como eles”, você pode ser forte o suficiente para lutar pelo que é certo, por justiça, pela confiança de que ainda é possível sobreviver neste mundo. É natural que você encontre alguém que possa caminhar ao seu lado e talvez se case, se desejar. No antigo idioma sânscrito, o desejo por prazer é chamado de "Kama", e é justo que você satisfaça seu desejo de maneira adequada, com equilíbrio e respeito pelos outros. É claro que tudo isso é difícil de aprender em apenas uma vida, e porque estamos neste mundo, não somos perfeitos. A magia da consciência e da poesia é que “imperfeito” pode se tornar “Inperfeito”. Podemos buscar as respostas finais e mergulhar dentro de nós mesmos, e é certo que isso se refletirá fora de nós. Isso é compartilhar a vida com outras pessoas. É como uma criança que abre a janela e vê belas árvores altas e outras famílias brincando em um parque, aquele lugar onde a comunidade se encontra, e ela diz: ‘É uma bela vista que refresca minha mente quando estou triste.” Estamos todos conectados. Não se trata de “você e eu”, nem “eu e os outros”, nem mesmo “você e os outros”. É uma conexão direta: “VOCÊS OS OUTROS”. Nesta vida densa e concreta, temos que transcender essa primeira realidade imediata e trazer a potência para aprender o que é sutil.

Este álbum é para nos lembrar que esta vida temporária não é a única vida para quem acredita ser uma alma, eterna e imortal. É para nos ajudar a viver esta vida que temos da melhor maneira que pudermos, para que possamos realmente responder às perguntas fundamentais e descobrir quem realmente somos. Eu sou “Você Os Outros”, e você?


Playlists relacionadas

Contrate