Diferencial Zero

Diferencial Zero

EstiloRock
Cidade/EstadoÁguas Claras / DF
Plays4.643plays
Tamanho
Cifra
Imprimir

Sem Abrigo

Composição: Eduardo Amorim

Lá fora uma chuva fria e um frio que sangra e mata Os faróis piscam para iluminar ruas escuras desertas Num quanto silencioso e sombrio As flores morreram em cima do criado mudo Os tragos que dou no cigarro não me aquecem Ouço uma velha canção e já são quatro da manhã A insônia me roubou os sonhos A fantasia tornou-se pó Ela corria da chuva, mas não tinha onde ir Ela procurava abrigo, mas não havia ninguém ali Lá fora, pavor, caos e confusão Guerras homens suicidas e cristãos Relâmpagos e trovões distorcem o céu Já fui criança, já estou envelhecendo É agora o novo século e nada de solução Os pássaros e o Sol fazem parte desta sinfonia O mundo é cena da decadência existente Poetas amenizam a dor com seus poemas E eu me pergunto, qual é a solução? E eu me pergunto, quem tem a salvação?

549

plays

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário

Playlists relacionadas à musica