Ecos D'Alma

EstiloGótico
Cidade/EstadoSorocaba / SP
Plays3.749plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

OuvintesHebert Cedraz Bezerra e outros 9 ouvintes
Fã-clubeNEPHILIM e outros 19 fãs

Comentários

Filtrar Por:
LuizTeclado
Alfredo AlvarengaVoz

Release

Discografia
2009 - O Labirinto... 1º demo Virtual.
2010 - Não Há Mias Porque Lutar ... 1º EP físico
2011 - Misericórdia... 2º EP, lançado no festival Woodgothic de 2011


2007
Ecos D\'Alma é uma banda nascida em 2007 literalmente de um estranho sonho, e que busca utilizar-se de métodos para corresponder aos pesadelos e estranheza dos devaneios oníricos.
.
2012
Não queremos fama, não queremos sucesso, não queremos a beleza, não queremos a felicidade... Queremos apenas expressar nossa arte bizarra e insana, queremos apenas perturbar os ouvidos incautos com nossas músicas proféticas e decadentes, queremos apenas ressaltar o grotesco da existência través do expressionismo dadaísta musical... Após 5 anos de existência, consolidamos nossos perturbados sonhos oníricos em um pesadelo surreal.
.

O Ecos D\'Alma surgiu em maio 2007, na cidade de Sorocaba, com o intuito de fazer um som pós-punk/dark-wave com influencias de bandas de pós-punk/dark-wave do inicio dos anos 80. Com o passar do tempo a banda tornou-se um duo, formado por Alfredo Alvarenga e Luiz Antonio, agregando ao som características diversas dentro do dark , com o uso de bateria eletrônica programada em computador, junto com guitarras e baixos sintetizados e programados.
.
No ano de 2011, O Ecos D\'Alma tocou no mais importante festival voltado a subcultura Dark/Gótica da America latina, o Woodgothic, ao lado de alguns dos maiores nome das cena no continente sul-americano, e de algumas bandas Européias de grande prestigio.
Nesse Festival lançamos nosso 3ºEP intitulado Misericórdia. E tivemos algumas musicas tocadas em rádios da Alternativas da America do Sul.
.
Em 2012 planejamos invocar todo o terror surrealista em nossas canções esquizofrênicas dadaístas para contemplar toda tragédia humana convertida em arte simbolista, o expressionismo da dor sublimado em forma de uma caótica canção a qual oferecemos em homenagem ao fim do mundo.

.
.


.



Playlists relacionadas

Contrate

Home