EMERSON ROMANI

EstiloMPB
Cidade/EstadoSão Paulo / SP
Plays5.890plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

OuvintesEMERSON ROMANI e outros 36 ouvintes
Fã-clubeRoselves Alves e outros 95 fãs

Comentários

Filtrar Por:

Release

Onde houver música, lá estarei.
Minha proposta é fazer música de qualidade, tanto em minhas apresentações como intérprete, tanto como compositor. A poesia tem peso fundamental no processo de composição de minhas músicas.
A estrada me ensinou que a música rejuvenesce o corpo, alimenta o espírito e torna a vida mais vivível.

Release cronológico:
1986 - Primeira apresentação como intérprete em festival escolar.

1987 - Segunda apresentação como intérprete em festival escolar.

1991 - Vocalista de um grupo rock chamado Autópsia, permanência até 1993, entre outras coisas participamos de um festival Musestado, realizado pela UFMT de Cuiabá com composições próprias. Iniciei na Rádio Tangará como sonoplasta.

1992 - Iniciei os estudos de bateria e fazia parte de bandas de baile como crooner e baterista. Já na Rádio Pioneira era repórter, editor e apresentador do jornal noturno. Ao final do ano fui trabalhar como repórter e redator no Jornal Correio do Médio Norte.

1993 - Criei uma banda de rock chamada Fragment ao mesmo tempo tacava em uma banda de baile. Iniciei na TV Terra, afiliada da extinta Manchete como repórter e editor de telejornal. No mesmo ano me tornei apresentador de um programa de variedades e cultura chamado Frequência Máxima, o programa durou 2 anos e meio.

1994 - Assumi por um ano e meio a atividade de instrutor musical como professor de bateria para alunos carentes no Centro Cultural de Tangará da Serra-MT, tocava em bandas de baile e escrevia artigos em jornais locais.

1996 - Fiz um curso intensivo de bateria em São Paulo com Duda Neves. No meio do ano me transferi para Cuiabá onde dava aulas de bateria em duas escolas de música particulares, ao mesmo tempo toquei em diversos grupos de baile, rock e bar.

1997 - Me transferi para Presidente Prudente, fui vocalista de um grupo rock cover chamado Dr. Snake, fazia acústicos junto com o guitarrista Vinícius Eduardo.
1998 - Como baterista e vocalista fundei a banda prudentina Paeja, neste período iniciei a compor as primeiras músicas.

2001 - Gravamos o cd do Paeja no Mosh em São Paulo, após o lançamento nos mantemos na atividade por mais dois anos até a dissolução. Participei do Tanfest, festival da canção de Tangará da Serra como compositor com as músicas "Parece" e "Pedra Solteira".

2002 - O Paeja se transfere para São Paulo. No início do ano a música "Azul" de minha autoria, foi inserida como abertura de uma novela matinal entitulada "Caminhos da Fama" e exibida em rede nacional pela Rede TV!. Em meio a seguidos golpes de empresários resolvemos encerrar as atividades, neste período em São Paulo, fui correspondente da Rádio Pioneira de Tangará da Serra.

2003 - No retorno a Tangará da Serra participei de outros grupos rock, bandas de baile e tocava em bares também. Fiz o primeiro vt como ator.

2004 - Fui morar na Itália, onde tocava em locais no formato acústico e tive experiência de três meses em um residence junto a uma equipe de animação onde era dj, iluminador, técnico de som, video-maker e músico. Lá desenvolvi o aprimoramento da língua italiana, o conhecimento da música local e também européia. Participei do Tanfest como compositor com a música "A Saudade" interpretada por Raquel Davanso.

2005 - Voltei a Tangará da Serra, abri um estudio de gravação, lá iniciei o trabalho com jingles institucionais e políticos que hoje já chega aos 50. Me aprofudei nas composições. Tocava em grupos como free-lancer, montei outro programa televisivo cultural chamado Vetor. Era colunista cultural em um jornal da cidade. Participei mais uma vez do Tanfest desta vez com a música "S de sertão".

2006 - Participei do Tanfest interpretando minha música "Nossos olhos", obtive o terceiro lugar por milésimos. Continuei me apresentando em bares, bailes e eventos. Fui ator em outro vt. Neste ano elaborava trabalhos publicitários e escrevia a coluna cultural Vetor em um jornal alternativo.

2007 - Retornei à Itália e fiz praticamente o mesmo percurso, neste ano firmei parceria com dois músicos Giácomo D'Angelo de Trapani-Sicília e Andrea Allocca de Roma. O resultado destes encontros renderam duas músicas novas, uma toda em italiano chamada "Ti offro un mondo" e outra em português e italiano chamada "Nostalgica".

2008 - Raquel Davanso obteve o oitavo lugar no Festival Estadual da Canção promovido pela UFMT. Continuei os trabalhos de música ao mesmo tempo que desenvolvia atividades publicitárias como criação, design, layout e participando de vts como ator.

2009 - Participei mais uma vez do Tanfest, desta vez com uma performance diferente, iniciei cantando minha música "Diante dos olhos" ao violão e a terminei na bateria. Tocava como sempre, com vários parceiros. Fui coordenador de uma campanha política a prefeito.

2010 - Retornei a Presidente Prudente onde constantemente me apresento na Espetaria, Rede Cachaçaria, Bar da Estação, Tio Vavá, Sr. Boteco, Vó Laura e no Casarão em Minas Gerais, continuo produzindo jingles e sou redator e criador da Agência Raro!. Para este ano pretendo reunir minhas quase 20 músicas para compilar um cd, lançar um livro de poesias, são mais de 80 já, e também finalizar um romance musical que vem sendo escrito desde 2002.

Playlists relacionadas

Contrate

EMERSON ROMANI

(18) 9631 - 4755 | (65) 3326 - 2581http://www.emersonromani.com
Home