Mais

Erick von Sohsten

MAIS
Erick von Sohsten

Como é que eu sinto saudade
Mesmo quando ela está do lado,
Como é que eu falo a verdade
Mesmo quando é hora de mentir?

Dá vontade de andar de mãos dadas,
Sorrindo de tudo, sem pensar em nada,
Grudados como siameses,
Mas apesar de poucos meses
Já parece dez anos ou mais,
Não contamos o tempo, tanto faz...
Me basta essa presença alegre,
Me beije, por favor me pegue!
E não importa o quanto eu tenha de você,

Eu quero mais, mais, muito mais...

Essa cara de anjo moleque
Me leva pro céu sem me cobrar bilhete,
Nas asas de uma brincadeira,
Nos beijos de uma feiticeira
Que me arranca do peito a dentadas
O coração a cada madrugada
Com os dentes de um cão amigo
E as unhas de um amor bandido.
E não importa o quanto eu tenha de você,

Eu quero mais, mais, muito mais...


A gente nunca esquece
Quando se é feliz,
E quando se enlouquece
Ouvidos, olhos, boca, dedos e nariz
Não há o que fazer,
Apenas entregar-se ao jogo de azar
De riscos e apostas
E um parceiro pra jogar,
E se jogar do ninho
Sem ter asas pra voar,
Também voar pra quê?
Se é bem melhor a queda livre
Em teus braços e morrer.

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (4)

Fotos (4)

Clipes (3)

Release

Filho dos poetas e coralistas Jota Garcia e Edine von Sohsten, o cantor, compositor e violonista Erick von Sohsten nasceu em João Pessoa em 11 de abril de 1968. Aos nove anos teve com o pai e parceiro as primeiras aulas de violão, aos onze fez sua primeira apresentação no ''Teatro Severino Cabral'' em Natal-RN], ainda em 1982 e com apenas quatorze anos, realizou seu primeiro show solo, já interpretando suas composições no teatro ''Lima Penante'' em João Pessoa-PB.

Na saudosa noite de João Pessoa dos anos 80 e 90, Erick fez longas temporadas nos famosos bares Travessia, Última Sessão, Estação, Mr. Caipira, entre outros que marcaram época.
Sua musicalidade brasileira e suas interpretações arrojadas conquistaram, além de um público fiel, os elogios da crítica. Como intérprete, Erick trabalhou com ...

Continuar lendo>>