Imagem de capa de Guimarães
Guimarães

Guimarães

EstiloIndie
Cidade/EstadoRecife / PE
Plays584plays
Ver todos os eventos
Ver mais vídeos

Comunidade

OuvintesHumbertoluiz929 e outros 27 ouvintes
Humbertoluiz929Humbertoluiz929Humbertoluiz929Humbertoluiz929Humbertoluiz929
Fã-clubeDaniel Filho e outros 1 fãs
Daniel Filho

Comentários

Filtrar Por:
Escreva um comentário
Imagem de Gabriel GuimarãesGabriel GuimarãesVoz

Release

Figura assídua dos inferninhos da capital, Gabriel Guimarães começou a carreira em 2011, como vocalista de new metal rodou com a Quebrando Regras o cenário underground do estado.

No ano de 2013, pouco tempo após sua saída fundou a Desconforme. De maneira independente, e principalmente,através do apoio dos fãs na internet a banda fez barulho com seu rock, com2 EPsde destaque, clipes naMixTVePlayTV!. Em 2015 foi uma das finalistas do concurso nacional de bandas da rádioMix FM,além de ser garantia de casa cheia nos shows realizados em festivais como oExpo Rock, e em locais históricos do cenário alternativo da cidade como aTorre Malakoff,Burburinho,Casarão das Artes, Teatro Maurício de Nassau e Teatro Luiz Mendoça.

Em uma nova fase da carreira, o artista pernambucano aposta nas gravações de baixa fidelidade, e conta com a força da poesia marginal ao seu favor, ingrediente que joga luz à uma deliciosa salada sonora em seu primeiro projeto solo."A Vida em Close" lançado em 2020,é um passeio sonoro que saí de New Order, faz escala em TomJobim e a depender do clima no percurso pode se encerrar tanto num Frank Ocean, como num Barão Vermelho, tudo isso se envolve numa teia de sutileza, explícita no sotaque e soa único, é a obra de um artista com autenticidade.

Após um inesperado hiato de 5 anos, o frontman da Desconforme mais maduro
envolve a todos com uma grata surpresa, como Guimarães, o artista apresenta
baladas envolventes e letras que transbordam melancolia, as vezesnuma batida futurista que deixa clara a cruzada em referência a obras clássicas como Akira(1988), Blade Runner(1982), Neuromancer(1984).

Nas batidas eletrônicas, Guimarães se mostra em sua melhor forma dispensando o banquinho e dando sua ácida contribuição para a nova música popular brasileira.

Playlists relacionadas