João SaraivaFlor Azul1 play
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
cancelar

Seu comentário foi publicado. Visualizar

Iniciando música ~ em
    1 / 1

    Flor Azul

    João Saraiva/Mauro Saraiva

    Era uma flor singela, tão linda e perfumosa
    Gentil e graciosa
    Que nascera no paul
    E vivia tão triste naquela solidão
    Enchendo de amarguras o meu pobre coração
    E retinha a cor do céu azul
    E toda marchetada com as cores do arrebol
    Eu quis então colhe-la, mas não podia vê-la
    Assim amargurada, aos ardentes raios do sol

    Flor azul, és tu, minha querida
    Doce esperança em flor
    Eu quisera te ver sempre garrida
    Na eterna primavera
    De meus sonhos de amor
    Mas num dia fatal
    Aquela flor azul, nascida no paul
    Morrera de paixão
    E as flores daquela soledade
    Choravam de saudade, da mimosa flor azul
    No azul do firmamento brilhava uma estrela
    Qual viva sentinela, velando a solidão
    Era a flor, majestosa de minh’alma
    Que sorria radiosa na amplidão

    Músicas mais acessadas

    Fotos (1)