Lignify

EstiloHardcore
Cidade/EstadoPorto Alegre / RS
Plays615plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comentários

Filtrar Por:
MarcelVoz
ZanetelloGuitarra, Backing Vocal
RodrigoGuitarra
Ver mais integrantes

Release

Tudo começou quando o baterista, Rafael Bernardes, comprou uma bateria há três anos. Aprendeu como um autodidata fazendo muito barulho no seu quarto, incomodando seus pais e vizinhos. Rafael, então, convidou seus parceiros Marcel Meyer e Pedro Zanetello para formar uma banda, ensaiando uma vez por semana. Porém nenhum dos dois sabia tocar algum instrumento. No início Pedro e Marcel cantavam, com o som da bateria e do CD de playback.

Pedro, após muita insistência de Rafael, começou a tomar aulas de guitarra uma vez por semana. Aos poucos que aprendia, eles começavam a tocar musicas sem o playback. Assim, Marcel assumiu o vocal definitivamente.

Em 2002, o trio desejava estrear, lançando a banda no "Festival da Canção" do Colégio João XXIII, onde estudam. No primeiro festival não foi possível, por falta de um baxista e outro guitarrista, pois para o tipo de música que a banda queria tocar requeria duas guitarras e um baixo.

Passou um ano e a banda chegou à conclusão que era hora de chamar mais dois componentes, pois daquele jeito não era possível se apresentar.

Rodrigo Osório, que tocava guitarra há três anos, colega dos integrantes, foi chamado para ensaios com a banda, pois este estava a procura de uma banda para tocar. Rodrigo se encaixou muito bem apresentando o estilo e a qualidade que a banda necessitava.

Logo após, Pedro Echel, que tocava baixo há um tempo, se juntou a banda para os ensaios. A banda ainda não possuía um nome então os garotos poram-se a pensar em um. Zanetello sugeriu Lignify Aneurism, que depois acabou evoluindo para Lignify.

Finalmente a banda estreou no "II Festival da Canção" do Colégio João XXIII, em outubro de 2003 e inciou sua carreira.

» www.fotolog.net/lignify

Playlists relacionadas

Contrate

Home