Mano Nivas

Cidade/EstadoGuarulhos / SP
Plays135.757plays
VER TODAS AS MÚSICAS
Ver mais vídeos

Comunidade

OuvintesMano Nivas Trindade e outros 7 ouvintes
Fã-clubeBom de Laço e outros 21 fãs

Comentários

Filtrar Por:
Mano NivasVoz

Release

RELISE ? Mano Nywaz 22 ANOS de Movimento


Em 1990 , começou a parceria NEGRO ALE´X e Mano Nivas, então somente ouvintes da musica rap. Al´X mais envolvido na cultura Hip Hop e Nivas apenas começando a curtir aquele som de Protesto. Mano Nivas por sua vez vinha de uma linhagem de militantes socialistas e por este motivo tinha consciência dos problemas políticos em nosso país e isto serviu de base para varias discussões entre os dois garotos periféricos.


Então 1993 aqueles moleques resolveram agir, e criaram o Grupo Calibre Forte RapperS, popularmente conhecido como Calibre Forte, nascido nas imediações de pequeno mais problemático Jardim São João Batista. O nome do grupo se explica da seguinte maneira ( a informação é a arma e o alvo é a fortalecer a consciência do povo da periferia)


Em 1994 ao contrario de muitos Grupos o Calibre Forte, começou a sua caminhada , onde elaborou suas primeiras letras e cantou no seus primeiros ? Movimentos? ( como é chamado os bailes de rua) . Dividindo a responsabilidade das composições entre os dois rappers, que cantava no melhor estilo ?gangstar rap? um rap com levadas lentas e tons agressivos. A primeira letra composta pelo grupo foi ?Hip Hop Orginal? uma letra que falava sobre racismo e preconceito.

Em 1995 o grupo enfrentou algumas dificuldades, pois havias poucos ?picos de Hip Hop? na cidade de Guarulhos, Mas mesmo assim incluíram novas letras em seu repertório de shows com as letras ?Tem que ser Pesado? e ?Aviso? , e com mensagens entre as musicas os vocalistas começaram a se destacar com lideranças do movimento Hip Hop Guarulhense.

Em 1996 o grupo fez uma musica que gerou muita polemica , esta musica intitulada ? Consciência? falava sobre drogas , Aids, respeito e amizade. Fazendo um paradoxo entre os temas . O que chamou a atenção para esta musica foi o refrão , que nas suas três partes se diferenciava , sendo que o segundo refrão gerou polemica, pois alguns achava forte demais e outros entenderam que foi uma forma popular de falar sobre o problema. Mais apesar da polemica a musica fez grande sucesso nos shows do grupo e foi bem tocada nas rádios comunitárias da ocasião.



Em 1997, o Calibre Forte já era um grupo bem respeitados da cidade e junto com o Grupo Alerta Rappers ( extinto em 2002) fundaram a Posse Sindicato do Rap e juntos fizeram grandes festas de Hip Hop , entre elas a maior que chegou a reunir cerca de 4 mil pessoas na quadra da Sociedade amigos de Bairro do Jd Adriana.
Este evento levou o nome de ? Movimento Hip Hop, a formula mágica da Paz?, e o impressionante que o evento lotado só tece divulgação de panfletos e mesmo assim conseguiu lotar e assim permaneceu das 16 horas do sábado até as 4 horas da manhã de domingo, onde passaram pelo palco 27 grupos de diversas cidades de São Paulo. Neste show o Calibre apresentou sua nova musica , de levada bem lenta cantada sobre a base do rapper americano TU PAC ?dear mama?, a letra do grupo guarulhense falava sobre o natal, e as famílias que não tem o que comemoram nesta data o nome da musica era ? Neve Branca?.
Nesta mesmo ano em novembro o recém fundado Espaço Cultural Florestan Fernandes realizava uma atividade cultural onde o grupo Calibre Forte se apresentou, e ali nasceu uma parceria que perduraria por anos. E os Rappers do Calibre Forte fundaram o primeiro fórum de discussão do Hip Hop guarulhense com a participação dos Grupos Cultura do Gueto, Esquema Urbano, Código do Rap, Manos Força Rap, União Racial, Alerta Rappers e dali nascia o primeiro Movimento Organizado de Guarulhos.

Em 1998 o Grupo Calibre Forte liderava Posse Sindicato do Rap, que cresceu com a entrada do grupo Reações Mc?s ( hoje lá quadrilha), Dr Fall, Delito Criminal, Breaks Fox e Fio e a Posse Esquema Black , e juntos construíram o 2º Movimento Hip Hop Formula Mágica da Paz, que reuniu 3.500 pessoas, e o grupo também deu inicio a uma nova fase realizando projetos culturais no auditório da Biblioteca Monteiro Lobato , que se tornou o ponto de encontro do Hip Hop Guarulhense por um bom tempo e também palestras em escolas publicas.
O que até aquele momento era uma novidade, este fato deu notoriedade ao grupo , sendo reconhecido por algumas rádios , inclusive dando entrevistas paras rádios Impressa e Costa Norte. Naquele ano o Grupo participou também de dois grandes Shows , o primeiro no Bosque Maia reunindo cerca de 30 mil pessoas, e o segundo no dia 1º de maio na Praça Getulio Vargas que reuniu cerca de 20 mil pessoas. Alem de fazerem a abertura do show do Grupo Racionais Mcs no club da Varig no Jd Haroldo Veloso

Em 1999 , o grupo ganhou um novo integrante o rappers Lcy, e naquele ano foi incluído no repertório a musica ? Ressurgindo das Cinzas?, que entrou na listas das mais pedidas na radio Guetto FM, Neste ano o grupo ressurgiu mesmo da cinzas, principalmente a partir do segundo semestre onde o grupo ultrapassou fronteiras , realizando shows em Pirituba, São Miguel, São Matheus, Jardim Marilda, Jd Varginha e Jd Ângela na Zona Sul, e abriram o shows para Thaide e Dj Hum no Tucuruvi e para o Doctor mc?s em Aruja.



Em 2000 o grupo passou a atuar mais fora do município, o que não impediu de o grupo por 4 semanas ficar no topo da lista das mais pedidas da programação da radio Guetto, com a Musica Neve Branca e permaneceu na lista das 4 primeiras colocadas por 4 meses. E de quebra a musica ?Ressurgindo das Cinzas? ficou pelo mesmo período entre as 10 primeiras. Neste ano o grupo recebe três propostas para gravar , porem não aceito pelo fato de serem em coletâneas, e no mesmo ano foram convidados a fazer uma programação na radio Guetto Fm, onde levara o Dj Kldj e o grupo 509-E com entrevistados.
E também neste ano o grupo fez a versão rap, do hino da revolução socialista , ?A internacional?,

Em 2001 o grupo fez temporadas de shows em Minas Gerais, no sul do estado Mineiro, e se dedicara a trabalhar para o novo repertório do grupo.

Em 2002, o grupo deu um breque nos shows, e começou a produzir novas instrumentais , fez novas versões dos velhos hits do grupo e montou um CD demonstrativo de titulo ? Estilo Fênix ? Ressurgindo das Cinzas.

Em 2003 com o novo repertório definido o grupo retomou o projeto de eventos na biblioteca Monteiro Lobato, com apoio da secretaria de Cultura, e estes eventos voltaram a sacudir o Hip Hop em Guarulhos que encontrava-se estagnado. O grupo realizou shows em franco da Rocha, Ermelino Matarozzo, Ae Carvalho, São Miguel, Jaguaré, Araxas ? Mg.
O Grupo também ajudou a fundar a radio QUILOMBO FM 103.9 , e a entidade Nacional de Hip Hop intitulada Organização dos Novos Quilombos com atuação em 4 estados.

Em 2004 , o grupo participou do grande encontro Hip Hop da Secretaria de Cultura, alem de participar como convidado no Fórum de Hip Hop do Interior em Campinas, e cantaram também em Votoranti, Louveiras, Sorocaba, Itapeva, Bauru, São Jose e Diadema, alem de vários shows em Guarulhos. Alem de um Works Shop com Edy Rock e Kldj no bairro do São João Batista

Em 2005 , o participou do 2º Fórum Municipal de Hip Hop, onde foram escolhidos para representar o município no Fórum Social Mundial em Porto Alegre, onde foram palestrantes e também se apresentaram no 3º Fórum nacional de Hip Hop, onde a entidade que representavam a ?Organização dos novos Quilombos?, conseguiu ampliar para 14 estados sua atuação. Voltando a Guarulhos o grupo dividiu palco com trilha Sonora do Gueto e Realidade Cruel no Espaço Mossoró , e o integrante do grupo foi eleito o primeiro conselheiro tutelar eleito pelo movimento Hip Hop.
O grupo também participou da eleição do conselho do FunCultura, e participou do encontro organizado pela secretaria de cultura no Bairro de Nova Bonsucesso. E em julho participaram de um work shop com Kldj em comemoração aos 15 anos do ECA, evento este destinado para as crianças do abrigo.

Em 2006, o grupo se prepara para entra em estúdio, onde serão produzidas novas 14 faixas que comporá o novo cd do grupo .

Em 2007 e 2008 , Calibre Forte RapperS fez varios eventos com participação de diversos grupos de Guarulhos , grande São Paulo e Interior, tem formulado um politica de aliaça para fortalecer o Movimento Hip Hop que tem sido atacado sistematicamente pelo poder e por outros trairas que tem distrido o Movimento .

Em 2008 Nivas foi reeleito para o Conselho Tutelar de Guarulhos, mostrando o seu otimo trabalha e o valor do verdadeiro rapper militante, na questão da criança e adolescente e juventude periferica.

No mesmo ano foi indicado para concorre para a eleição a vereador, onde por um partido pobre mais honrando PSOl, fez uma campanha da troca de ideia com a população, da organização em uma busca de uma sociedade mais justa e igualitaria

Em 2009 , Calibre forte esta Intregando os Foruns de Hip Hop, a radio quilombo e a restruturação do movimento, lutando em defesa das radios comunitarias, a participação nas conferencais de igualdade racial, conferencia da criança e do adolescente e de educação de se mostrado fundamental para provar que o Hip hop não é um movimento só de neguinhos de festa.

Mano Nivas, iniciou uma carreira solo, a partir de 2010, e vem trabalhando e suas músicas novas, e as disponibilizando pela internet. O rapper pretende lançar seu primeiro disco completamente online em 2015, onde o Álbum que deve levar o titulo de "Politicamente Consciente" será inteiramente disponibilizado para que as pessoas possam baixar.


Curta ai, o som deste rapper tradicional da cidade de Guarulhos, e ajude a divulgar, pois quem é verdadeiro não desiste nunca.

Playlists relacionadas

Home