Márcia Freire

EstiloAxé
Cidade/EstadoSalvador / BA
Plays21.218plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comunidade

OuvintesJenisson De Jesus Farias e outros 14 ouvintes
Fã-clubeEdmilson Santos e outros 9 fãs

Comentários

Filtrar Por:

Release

NO ano de 1986 mudaria por completo a vida artística de Márcia. O mês era abril, e lá estava "Márcia Freire" integrando a Banda Cheiro de Amor, que naquela época chamava-se "Pimenta de Cheiro". Entre julho e agosto de 1987, a Banda grava o seu primeiro disco intitulado "Pimenta de Cheiro", e durante os anos seguintes, outros discos .Em 1996, Márcia decide deixar a Banda Cheiro de Amor e partir para a carreira solo, pois naquele momento de sua vida, ela apenas queria ter o total controle sobre o seu trabalho, daí veio à separação. Sendo uma das maiores estrelas da música baiana e com uma bagagem adquirida como vocalista da Banda Cheiro de Amor a qual comandou durante dez anos, Márcia continua sendo uma das principais atrações dos carnavais fora de época pelo Brasil e Exterior, a exemplo do primeiro Carnaval realizado no México na cidade de Cancun "O Carnacancun". Quatorze discos gravados, sendo quatro de carreira solo e vários prêmios de reconhecimento ao seu talento. Na voz de Márcia Freire, músicas como Pureza da Paixão, Auê, Macarena, Baiana Merengueira, Tema do cheiro, Doce Obsessão, Lero Lero e os hits Vermelho (sensação do festival de Parintins e do festival do Avante em Portugal) e ainda Subir Ladeira, Maravilha, Nó de Marinheiro, Dá Dá Carinho, marcados pela interpretação vigorosa da artista, viraram sucesso


Inúmeras participações em trilhas sonoras de sucesso, como a do seriado Malhação da Rede Globo, Casa de Samba, Axé Bahia, Axé Brasil e várias outras coletâneas. Com a estrela brilhando como nunca, Márcia, grava pela ABRIL MUSIC, o seu 4º CD solo "Timbalayê" superproduzido pelo experiente Mauro Almeida. O disco que promete ser um divisor de águas na carreira da Rainha do Agito, não abandona o suingue baiano, característica marcante da cantora, mas apresenta-a mais madura e muito mais versátil, passeando pela MPB, pela Salsa e pelo Soul.

Márcia Freire surpreende como intérprete, dando voz a clássicos como "Só quero um xodó" de Luiz Gonzaga – e outros "achados" do arquivo nacional a exemplo de "Como Alcançar Uma Estrela" de Miltinho e Edilberto e sua primeira música de trabalho "Sartando Dessa" de Cláudio Zóli.

Playlists relacionadas

Contrate

Carla Freire

(71) 3371 - 2641 | (71) 8784 - 0026http://www.marcia-freire.com/
Home