Narruassa

EstiloPop
Cidade/EstadoSão Paulo / SP
Plays792plays
VER TODAS AS MÚSICAS

Comentários

Filtrar Por:
Cesar PugliessaVoz, Baixo
Joelson FerrerGuitarra, Backing Vocal
Marco FerraioliBateria
Ver mais integrantes

Release

Narruassa – “O Sol Acima Do Horizonte”

Em fevereiro de 2004 um grande amigo, Gleibson, vocalista da primeira banda que fiz a produção me procurou para me indicar uma banda muito bacana, essa banda se chama Narruassa. Bom, pouco depois me ligou o Joelson que é o principal compositor e o guitarrista do Narruassa. Conversamos um pouco e combinamos de nos encontrar junto ao vocalista Cesar e ao baterista Marco. Expliquei a eles um pouco de como funciona a indústria fonográfica, das dificuldades que existe e do que é possível fazer com uma banda dita como independente. Conversa terminada, pego o CD e coloco no som do carro e volto para casa ouvindo ele.
Já na primeira faixa “Horizonte” eu tomo um susto! Uma introdução alegre com o violão começa a crescer, daí entra uma guitarra suave, uma marcação de bateria perfeita e então a voz afinadíssima de Cesar. Uma letra que faria Renato Russo se morder de inveja! Ouvi essa faixa centenas de vezes, e definitivamente vi que seria a faixa de trabalho. Logo após entra “Roleta Russa” uma música com uma temática que nos faz pensar na vida e o quanto ela realmente vale, essa música tem um ar pesado com um apoio orquestral que muita gente que ouvir essa canção com cuidado vai se emocionar. Em “Teatro da Vida” tenta identificar um sentido na vida, mostrando o quanto a vida pode ser ilusória e que se não tomarmos cuidado podemos perder o que há de mais importante nela. Em “Sem Sentimento de Culpa” é o sofrimento básico do adolescente no amor, o quão frustrante pode ser uma rejeição e o quanto importante é ter respeito em relação à outra parte. Agora nesta parte do disco começa a aparecer as outras influências da banda, numa levada reggae que cresce se transforma num rock violento “Vida Hilária” mostra o que a maioria do povo brasileiro sofre, é a história de se ter uma formação e ainda assim ter as portas da oportunidade fechada, quem não conhece alguém assim? Nesse momento do disco chega a única música composta por Cesar “Queimando A Solidão” , nessa faixa ele arrisca uma letra audaciosa sobre se sentir sozinho e a dúvida e angústia que sentimos nessa hora e como se esforça para deixar todo o passado para trás, sem lembranças. A faixa mais divertida do disco é “Maria Gasolina”, ela fala exatamente sobre as marias-gasolinas que todos na vida já conhecemos e sobre um jovem que não dá a mínima para estas garotas e se importava era com sua guitarra, no final dessa música é possível comprovar a alegria da banda fazendo um coro, quase palpável essa alegria. Em “Bobeira Minha” diz sobre escolhas erradas, caminhos errados que podemos tomar na vida, e sobre soluções que podem parecer corretas para uma pessoa mas que na verdade não é para as outras pessoas que vivem à nossa volta. Outra faixa divertida tem sua parte aqui, “Cem Mil e Um Loucos” nessa música tem uma parte específica aqui que todo mundo vai se identificar de cego, surdo e louco todo mundo tem um pouco. Não é verdade? Nessa música tem uma discreta participação de metais que fazem a música ficar mais forte e marcante. E para o final do disco eles deixam uma porrada no nosso ouvido! “Quando Eu Crescer” é um rock dos bons, é nessa faixa que a guitarra de Joelson, a voz de Cesar e a batera do Marcão são mais fortes e mais puxadas. Tem um solo de bateria no meio dessa canção que é um perigo, nos faz querer acompanhar! É para ser ouvida ao volume máximo. Temos de lembrar aqui a participação especial em várias faixas de Luciano Rocha da banda ViniVéritas nas gaitas.
Esse é o disco “O Sol Acima do Horizonte” (frase tirada da música “Horizonte”), tenho certeza que é o primeiro de muitos que virão. É um disco que dá orgulho de produzir e mais ainda de ouvir. Ainda como bônus, no CD tem duas faixas em vídeo, que pode ser reproduzido nos computadores, de Roleta Russa numa versão acústica gravado ao vivo e Horizonte, além do material multimídia com fotos, mp3 exclusivo. Com um material gráfico muito bem feito e com este disco, o Narruassa chega ao público para fazer seu teste final e que tenho certeza que serão aprovados.
Ouça no volume máximo.

Narruassa é:
Cesar Pugliesse – Voz, Baixo
Joelson Ferrer – Guitarras, Violões, Voz
Marco Ferraioli – Bateria

Arthur Fitzgibbon - Março de 2005

Playlists relacionadas

Contrate

Home