Os Forasteiros de Faraway

EstiloPop Rock
Cidade/EstadoSão Miguel do Oeste / SC
Plays4.213plays
VER TODAS AS MÚSICAS
Ver mais vídeos

Comunidade

OuvintesOs Forasteiros de Faraway e outros 30 ouvintes
Fã-clubeSérgio Dorindo Meneghini e outros 45 fãs

Comentários

Filtrar Por:
Deni AndradeVoz, Violão, Baixo
Beto RuschelVoz, Violão
Anderson SantosGuitarra
Ver mais integrantes

Release

O ACENDER DAS LUZES

O álbum Keep Rocking começou a ganhar vida por volta de março e abril do ano de 2008. Deni Andrade e Beto Ruschel estavam prestes a se denominarem Forasteiros e, por conseguinte, juntar composições e ideias para novas composições. Beto já trazia na bagagem "Nossa Casinha", "Por todo tempo", "Você deve vencer" e "Melodia Plena". Deni, por sua vez, apresentou as músicas "In the corner", "Life is going on" e "Back to this city". Todas elas em inglês. Beto também manjava o idioma Bretão, mas sempre julgou importante se expressar na própria língua, influenciando Deni a buscar alternativas em português. Assim surgiram "Lembranças" e "Pé na estrada", como grandes parcerias dos Forasteiros. Beto ainda daria um pitaco em "Back to this city", construindo as estrofes em português e fazendo uma salada blues deveras divertida. Por fim, para completar o álbum, Deni revelou a irrepreensível "A new sunshine". Letra em inglês, porém com melodia e construção absurdamente lindas que faz qualquer um suspirar, mesmo aqueles que não dominam os "paranauês" do inglês.

O álbum Keep Rocking foi batizado desta maneira, por representar uma filosofia que se revelou extremamente necessária e constante na vida dos Forasteiros. "Keep Rocking", em tradução livre, significa "continue fazendo rock". Para os Forasteiros, essa expressão tomou contornos de "não desista" e é exatamente esse o sentido fundamental do nome do álbum. Fazer rock é importante, mas arrebentar a boca do balão e não desistir de maneira alguma é imprescindível.

O PONTAPÉ INICIAL
O primeiro suspiro de fato do álbum aconteceu com as músicas "Melodia Plena", "Lembranças" e "A new sunshine". Anderson Santos, guitarrista e produtor da banda, já estava bastante integrado a Deni e Beto a essa altura. Anderson foi convidado para ser padrinho de um casamento. O presente? O som dos Forasteiros com a sua participação, é claro. Tiro certeiro! O pagamento? Produziria três músicas, na versão de Beto e Deni, e duas músicas, na sua versão da história. Hoje isso pouco importa. Importa que as músicas escolhidas foram aquelas ali do início do parágrafo. Mãos à obra. Com recursos e equipamentos escassos, iniciou-se a produção do álbum. Pode-se dizer que tudo foi "artesanal". Aquelas, claro, não seriam as versões finais, mas foi o motor propulsor de todo o resto.

KEEP ROCKING MÚSICA POR MÚSICA

NOSSA CASINHA (RECURSO NATURAL) - Ela é carregada de utopia e crítica. Sua harmonia cativante e simples engana os desavisados. Convida a balançar a cabeça com o ritmo e a acompanhar e entender a letra que vai desenhando um cenário de vida simples onde o dinheirismo não é bem-vindo.

LEMBRANÇAS – A primeira composição genuinamente compartilhada pelos músicos Beto e Deni. Nasceu primeiro pela melodia em um churrasco, inspirada em um doce de banana. Sabores inspiram lembranças. O saudosismo e a nostalgia têm seu valor quando não são exagerados e servem de motivação para viver novas aventuras. Esse é o espírito de “Lembranças”. A faixa ainda conta com a maravilhosa participação de Gabriella Filippi, que, no período das gravações, desfilava seus 17 anos de idade.

A NEW SUNSHINE – Quando Deni mostrou esta canção para a galera, foi amor à primeira vista, apesar de se tratar de uma letra de um amor não correspondido. Entretanto, há um brilhantismo na construção musical e também uma mensagem de desapego. “Se você não me quer, paciência. Seja feliz e vam’bora ser feliz com outra pessoa”.

VOCÊ DEVE VENCER – Esta música possui toda a sua mensagem no nome. Vencer. Chega de derrotismo. Um rock’n’roll em sua essência, a letra é uma súplica para literalmente “deitar e rolar”. Não espere. Vença.

PÉ NA ESTRADA – Uma das canções retardatárias deste álbum, mas que chegou por puro merecimento. Ela também é parceria entre Deni e Beto, com um dedinho de participação do Anderson. Daquelas que conquista na primeira ouvida; no primeiro acorde na primeira nota. Com um jogo de palavras e embalo envolvente acabou revelando todo um espírito e um desejo incontido nos versos do refrão. Correndo, sem pressa de chegar.

MELODIA PLENA – A melodia é o combustível. É o vento que sopra as velas. Talvez a música mais pop rock deste álbum, ela possui refrões que não se repetem. Refrões? Na verdade, estrofes e refrões se confundem em alternância e palavras trocadas, sugerindo a mesma melodia. Quer saber? Basta dizer desta música que ela iniciou os trabalhos de produção do álbum Keep Rocking. Nota especial para o solo do Anderson, que começava a mostrar seus dotes de guitar hero.

IN THE CORNER – Letra curtíssima que diz muito. É um rock suingado em tom menor. O versos em inglês brincam com a situação em que o pretendente precisa ter insistência para atingir os seus objetivos. Basta, entretanto, uma única chance para chegar com jeito e não perder mais a pretendida.

BACK TO THIS CITY – A salada blues, como definida anteriormente, teve sua letra concebida em inglês. Era um pretexto de Deni e seu antigo parceiro, Ricardo, para tocar um blues e solar indefinida e infinitamente. Com a chegada de Beto, vieram os versos em português, dando continuidade à estória, e se definiu um formato, enfim, para esta música metamórfica. Os espaços para rasgar a guitarra ainda permaneceram, mas na hora de finalizar a canção para o álbum, a grande ideia de colocar uma harmônica soprou entre as mentes dos Forasteiros que, assim, convidaram Beto Sell para executar magistralmente o instrumento de sopro.

POR TODO TEMPO – Um country/folk/rock. É uma batida que está muito presente nas composições de Beto e de Deni. Nesta canção há a representação de um amor inspirado, porém não exagerado. É bom estar com alguém que a gente ama, mas não devemos nunca completar alguém, e sim sermos completos para então poder repartir o que somos com a outra pessoa. Esta é a única música do álbum que não foi produzida por Anderson. Beto levou na bagagem a produção de Paulinho Winterle. Antes de os Forasteiros serem forasteiros, a canção já acariciava os ouvidos oestinos de Santa Catarina.

LIFE IS GOING ON – Por pura traquinagem, os Forasteiros resolveram “esconder” essa maravilhosa canção na última faixa. Por isso, ao invés de 10, o álbum contém somente 09 faixas. Foi classificada como “World Music” por Lucas Pereira, comunicador da TOP 104, rádio migueloestina. Trata-se de uma balada em inglês, com uma letra um tanto quanto “deprê”. É tocante e a interpretação de Deni é inspiradíssima. Foi preservada a primeira gravação e colocada no álbum por um certo medo de tentar fazer melhor e piorar. Essa é a legítima “se melhorar, estraga”.

Muitas músicas foram desbancadas e ficaram de fora deste primeiro álbum. Agora estão lado a lado com outras criações para integrar o segundo álbum que não tarda chegar. Mas isso já é outra história (ou seria estória).

Playlists relacionadas

Contrate

Beto Ruschel

(49) 8801 - 2454 | (49) 9978 - 6694http://www.osforasteiros.com
Home