PresttoFantásia Cigana484 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
Iniciando música ~ em
    1 / 3

    Fantásia Cigana

    Prestto

    Por quanto tempo
    Eu vou viver nessa prisão
    Nesse lamento
    Nesse insulto
    Dançando a valsa da noite ,nessa imensidão
    Lançando o corpo a essa foice
    Não, isso não é justo não!
    Vem, espalhe um terço de amor
    Inocência no berço de gerações
    E mostre esse desejo invasor, ,oh baby!
    Quero viver todo tempo seu amor
    Essa fantasia cigana "ferve"
    Se o teu corpo é uma chama, "me aquece"

    Amor e vício, sexo e jogo
    É a loucura em nossa imagem
    Esse calor em nosso corpo
    Tire a roupa e relaxe
    Cara a cara com a verdade
    Mostre o brilho e entre na dança
    E transforme esse momento em paz ,amor e esperança
    Vem lembrar ,lembrar os velhos tempos
    E trazer a esperança, amar!
    Cantar reforça o momento
    Somos livres pra sonhar!

    Vem mostrar pra mim,que a mágica não tem fim
    E que o sonho não acabou
    Vem mostrar pra mim, que você pode sentir
    A fantasia do amor
    "Amor vem"
    Vem, me excite e mostre pra mim
    A fantasia do amor
    Me excite e mostre pra mim
    É tudo pelo êxito até o fim
    Eu quero tudo pelo êxito até o fim
    Vem mostrar pra mim, que a mágica não tem fim
    E que o sonho não acabou
    Vem mostrar pra mim, que você pode sentir
    A fantasia do amor
    "Amor vem"

    Músicas mais acessadas

    Release

    Formada em 1998, na cidade de Votorantim, a Banda Prestto sempre acreditou no seu potencial para com as músicas de composição próprias.

    Tendo como registro de trabalho ao longo desse tempo três Cdemos e um Cd profissional, produzido e lançado de forma independente (Dias longos-2007).

    Variações rítmicas e melódicas caracterizam as apresentações em uma mescla de covers redesenhados com uma boa dose de músicas próprias.

    Deva (vocal), Fábio e Fernando (guitarras e violões), Leandro (baixo), Eduardo (acordeom e teclado) e Adolfo (bateria) formam a Prestto e correm atrás de parcerias no sentido de trabalhar a divulgação de um estilo original (comercial sem apelação) e que acreditam contribuir para
    preencher o espaço deixado pelas boas Bandas dos anos 80.


    www.prestto.com.br (para maiores informações)