Jocelino Alves

EstiloRegional
Cidade/EstadoPinhão / PR
Plays19.352plays
VER TODAS AS MÚSICAS
Ver mais vídeos

Comunidade

OuvintesHercules Wanderley e outros 6 ouvintes
Fã-clubeRita Cássia Magalhães e outros 3 fãs

Comentários

Filtrar Por:
Jocelino AlvesViolão, Acordeão
Rodrigo MacedoViolão, Guitarra
Erivelson OrtizBateria

Release

A música surgiu em minha vida na escola primária, por incentivo da minha professora, cantava trechos de músicas para meus colegas de sala. Foi com o meu pai, que aos 13 anos de idade aprendi a tocar as primeiras notas no violão. Depois passei a tocar violão na pequena igrejinha de minha comunidade, pedia para o pai afinar o instrumento e ia tocar nas celebrações. Ingressei aos 16 anos como Guitarrista no Grupo Gaúcho Alvorada Campeira onde toquei por dois anos, animei bailes com participação de uma hora tocando músicas populares no Grupo musical Ala Pucha, e ingressei por 10 anos no Grupo Os Guapos do Vaneirão, mas foi em Setembro de 2005 que fundei o Grupo Hart Sul onde animei bailões por oito anos. Pratico acordeon e por isso várias músicas dos meus cds o som desse instrumento está presente. Participei de vários festivais regionais, onde por 3 vezes fui contemplado com o 1° lugar na categoria gaúcha. Tive minha primeira composição gravada em CD pelo Grupo Ala Pucha em 1999, intitulada “ Sonhos de amor”,e logo após mais três composições gravadas pelo Grupo Musical Os Manos de Pinhão, “A busca” “Cantiga de Ninar” e “ Visita ao Cancioneiro”. Meu trabalho solo anterior foi o CD religioso Prece Campeira que teve como objetivo adaptar a Missa Crioula de uma maneira regional,com estilo simples e evangelizador.Totalizando mais de 40 composições já gravadas , lanço oficialmente meu CD "Páginas Viradas", que reúne vários estilos , do gaúcho ao Pop Rock, do Reggae ao Forró, com 14 composições de minha autoria e uma parceria na Música : Just Wanna Love- Só quero amar. Há 16 anos toquei na noite agora estou investindo em minhas composições próprias, e deixo um recado, "Música no Brasil é um Hobby, porque tudo é encarado com naturalidade, músicos nas sua maioria não são levados a sério na sua profissão, isso precisa mudar, temos que ensinar a sociedade a dar valor aos músicos,pois são eles que fazem a música transmitir múltiplas emoções. Já imaginou o mundo sem música?"

Playlists relacionadas

Contrate

Jocelino Vitorino Alves

(42) 3677 - 1602 | (42) 99817 - 8708https://www.palcomp3.com.br/teacherjocealves/
Home